Complicações da implantação de marcapasso

Escrito por rachel nall | Traduzido por camille sampaio
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Quando funciona adequadamente, seu coração atua como um marcapasso, mantendo um ritmo natural. Entretanto, condições cardíacas como arritmia e doenças do coração podem fazer com que o coração bata fora do tempo — muito rápido, muito devagar ou fora de ritmo. Nesse caso, um marcapasso artificial pode ser instalado para ajudar que o coração permaneça no ritmo. O marcapasso é operado por bateria e inserido através de uma pequena incisão através da clavícula. O procedimento comum leva cerca de duas horas, de acordo com o aurorahealthcare.org, e requer pontos, que são removidos na semana seguinte à cirurgia.

Outras pessoas estão lendo

Sangramento excessivo

Por conta de o procedimento de inserção de marcapasso requerer acesso ao coração, o dano pode ser causado inadvertidamente nos vasos sanguíneos ao redor. Quando isso ocorre, os vasos podem sangrar, o que pode requerer uma cirurgia futura para consertar os vasos sanguíneos perfurados.

Infecção cirúrgica local

Um risco em qualquer cirurgia que requer incisão, a infecção cirúrgica local ocorre quando bactérias invadem um local aberto cirurgicamente, causando infecções nos tecidos internos do corpo, ou quando a pele ao redor do local fica infeccionada. Antibióticos geralmente são dados para os pacientes após cirurgias para prevenir o risco de infecção. Entretanto, se o paciente mostrar sintomas como vermelhidão, inchaço ao redor do local cirúrgico ou calor na região, é preciso buscar ajuda médica.

Mal funcionamento do equipamento

Embora marcapassos sejam feitos para manter o coração batendo regularmente, há sempre um risco de mal funcionamento. Por exemplo, o marcapasso pode fazer o coração bater muito rápido, muito devagar ou não funcionar. Essas ocorrências geralmente requerem uma revisão cirúrgica para ou remover o marcapasso existente ou melhor ajustá-lo às necessidades cardíacas do paciente.

Ruptura do músculo cardíaco

A inserção de um marcapasso também pode resultar na perfuração do músculo cardíaco, o que é conhecido como perfuração miocardial. Essa perfuração pode ocorrer durante a cirurgia ou pode resultar após a cirurgia devido a danos causados por um cabo de ligação ao dispositivo. Medidas cirúrgicas para reparar a área danificada, bem como a substituição do cabo, podem ser necessárias para os pacientes com sintomas graves.

Pneumotórax

Também conhecido como colapso pulmonar, pneumotórax ocorre quando o ar torna-se preso no espaço pleural do pulmão, o que resulta em colapso. Isso pode ocorrer após implante de marcapasso devido a danos no pulmão ou na parede torácica. Se isso ocorrer, a inserção de um tubo torácico para inflar o pulmão pode ser necessária.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível