on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Como fazer compostagem de carne e ossos

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Apesar de muitas fontes recomendarem cautela com relação ao uso de carne e ossos na sua pilha de compostagem doméstica, você pode fazer a compostagem com restos de carne e ossos com grande sucesso. Esses restos são originários de seres vivos e, devido a este fato, eles vão se decompor com o tempo tão bem quanto qualquer outro material orgânico. No entanto, pedaços de carne podem conter bactérias prejudiciais e também podem atrair insetos, então é necessário muito cuidado.

Instruções

É importante ter folhas secas e feno para fazer sua pilha de compostagem (BananaStock/BananaStock/Getty Images)
  1. Reduza o tamanho de todos os pedaços de comida a no máximo 6 cm². Use um processador de alimentos para restos de comida e um cortador de grama para as folhas, feno e aparas de relva. As carnes que sobrarem devem ser cortadas com uma faca de carne e toda a gordura deve ser removida e descartada. Os ossos podem ser diminuídos em tamanho com uma serra.

    Loading...
  2. Empilhe a compostagem em camadas em um recipiente de compostagem, fechado com uma tampa de ajustável. Cada camada deve alternar entre materiais cheios de nitrogênio, como restos de alimentos, aparas de relva e carne, e materiais mais escuros e cheios de carbono, que incluem feno e folhas mortas. A carne e os ossos devem ser colocados no centro da pilha e cobertos por pelo menos 30 cm de matéria orgânica. Desta forma, o resto do composto irá absorver os odores e não irá atrair insetos. Empilhar os restos de carne e ossos no centro também irá colocá-los na parte mais quente do recipiente de compostagem; isso deve garantir que o calor do processo de compostagem vá matar todas as doenças.

  3. Regue a pilha de compostagem de modo que fique tão úmida quanto uma esponja espremida.

  4. Feche a caixa de compostagem e cubra com uma lona alcatroada para reter a água e impedir a entrada de vermes, que são frequentemente atraídos pela carne e pelos ossos.

  5. Verifique a temperatura interna da pilha de compostagem todos os dias com um termômetro composto, perfurando o centro da pilha com uma ponteira de medição. A temperatura interna da pilha deve elevar-se até 57°C para que as bactérias prejudiciais que se desenvolvem na carne e nos ossos morram e as bactérias benéficas possam se desenvolver. As temperaturas devem ficar entre 57 e 65°C.

  6. Vire o adubo com um rastilho se as temperaturas caírem abaixo de 57°C. Quando você virar o adubo, mova o centro da pilha para a parte mais externa e o material externo para o centro. Se a carne e os ossos ainda não estiverem decompostos, transfira-os de volta ao centro da pilha. Virar a pilha fará com que ela aqueça novamente.

Loading...

O que você precisa

  • Restos de cozinha
  • Processador de alimentos
  • Faca de cortar carne
  • Serra tico-tico
  • Aparas de relva
  • Cortador de grama
  • Serragem
  • Feno
  • Folhas mortas
  • Caixa de compostagem com uma tampa ajustável
  • Mangueira
  • Lona alcatroada
  • Rastilho
  • Termômetro composto digital com sonda

Referências

Loading ...
Loading ...