Compostos encontrados na pasta de dente

Escrito por christine wheatley | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Compostos encontrados na pasta de dente
A pasta de dentes contém compostos que limpam, desinfetam e refrescam a boca (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

De um jeito ou de outro, a pasta de dente vem sendo usada por milhares de anos. Os egípcios costumavam mastigar palitos para aplicar um creme dental que consistia em cinza de cascos de bois, casca de ovos, mirra-pomes e água. No século 18, na Inglaterra, a limpeza dos dentes era feita com um pó abrasivo contendo bórax. A pasta de dente moderna é muito mais avançada, afinada para maximizar a limpeza dos dentes ao mesmo tempo em que minimiza os danos. Cada composto encontrado nesse produto possui uma função importante.

Outras pessoas estão lendo

Fluoreto

O fluoreto é provavelmente o ingrediente mais reconhecido encontrado na pasta de dente. Ele remineraliza, ou fortalece, os dentes para protegê-los contra as cáries. De todos os ingredientes na pasta de dente, o fluoreto tem a função mais importante, e esse é o motivo pelo qual a sociedade moderna percebeu um grande declínio nas cáries. O tipo de fluoreto usado mudou com o passar do tempo, de acordo com o tipo de abrasivo usado. Atualmente, o fluoreto de sódio é o mais usado devido à sua compatibilidade com a sílica hidratada.

Sílica hidratada

A sílica hidratada é um abrasivo transparente que é usado nas pastas de dentes modernas, sejam em gel, listradas ou opacas. Esse abrasivo remove quaisquer resíduos bacteriais ou manchas de comida dos dentes, além de polir sua superfície.

Sulfatos lauril

Um surfactante é um detergente usado em pasta de dentes, geralmente na forma de lauril sulfato de sódio ou lauril sulfato de amônia. Como esses compostos podem irritar as membranas orais, a alantoína é usada às vezes junto do sulfato lauril para diminuir a irritação. Os surfactantes ajudam o fluoreto no processo de remineralização. Eles ajudam a limpar os dentes fornecendo uma espuma que remove os detritos e penetram e dissolvem as placas. Os surfactantes também têm grandes propriedades antibacterianas.

Bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio é acrescentado à pasta de dente pela sua textura e gosto. Combinado com ácidos, esse composto libera dióxido de carbono, que é adicionado à espuma que já está presente. O bicarbonato de sódio também tem leves qualidades abrasivas e pode limitar as bactérias amantes de ácidos encontradas na boca.

Peróxido de carbonato de sódio

As pastas de dentes modernas que prometem "clarear" os dentes contêm peróxido de carbonato de sódio, que age como um agente clareador. Esse composto se desfaz em peróxido de hidrogênio e carbonato de sódio para branquear os dentes e matar os germes.

Triclosan

O triclosan é um agente antifungos e antibacteriano que é adicionado à pasta de dentes. Ele mata os micróbios que formam placas nos dentes.

Sacarina de sódio

A sacarina de sódio é um adoçante acrescentado para adoçar a pasta de dente. Como sua doçura é 500 vezes superior à do açúcar, ela é usada apenas em quantidades bem pequenas. Junto desse adoçante, fortes óleos básicos de menta geralmente são adicionados para melhorar o sabor da pasta de dente.

Dióxido de titânio

O dióxido de titânio é um pó branco usado para dar às pastas de dentes a sua coloração. Esse composto forma uma pasta opaca e muito branca quando misturado com óleos ou água.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível