Por que comprimidos para pressão alta causam boca seca?

Escrito por andrew hazleton | Traduzido por marina pastore
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Por que comprimidos para pressão alta causam boca seca?
Cuide de seu coração: medicamentos para doenças cardíacas têm diversos efeitos colaterais (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

Medicamentos ligados à xerostomia

A perda de saliva, comumente chamada de "boca seca", é uma reclamação comum de pessoas sob tratamento por meio de diversos medicamentos usados para tratar alta pressão sanguínea (hipertensão) ou doenças cardíacas. A Xerostomia, modo como é chamada medicamente a sensação, é um efeito colateral de várias drogas prescritas normalmente para este tipo de doença.

A saliva é criada por um grupo de glândulas localizadas dentro da boca e da garganta e em seus arredores. A função destas glândulas pode ser afetada por vários medicamentos prescritos cotidianamente para pacientes cardíacos. Dentre as drogas causadoras deste efeito colateral estão os bloqueadores alfa, beta e do canal de cálcio e os diuréticos.

Alfa-bloqueadores incluem medicamentos que contenham: Doxazosina, Prazosina, Terazosina, Tansulosina e Alfuzosina.

Beta-bloqueadores comuns geralmente contêm: Acebutolol, Atenolol, Bisoprolol, Carvedilol, Metoprolol, Nadolol, Nebivolol e Propranolol.

Bloqueadores do canal de cálcio comuns são: Amlodipina, Diltiazem, Felodipina, Isradipina, Nicardipina, Nifedipina, Nisoldipina e Verapamil.

Diuréticos podem incluir combinações de: Clorotiazida, Hidroclorotiazida, Metolazona, Bumetanida, Ácido Etacrínico, Furosemida, Torsemida, Amilorida, Triantereno, Eplerenona e Espironolactona.

Diuréticos e xerostomia

Dos tipos de medicamento listados acima, a classe conhecida como diuréticos é a mais comumente ligada à xerostomia. O mecanismo pelo qual os diuréticos reduzem a produção de saliva não é bem compreendido, mas é geralmente creditado a uma dentre as três causas seguintes.

Diuréticos são drogas que causam a redução de sódio (sal) no corpo por meio de ação nos rins, o que faz com que o corpo reduza a quantidade de água no corpo. Esta perda de volume de plasma sanguíneo é considerada uma causadora da queda de produção das glândulas salivares, o que causa a xerostomia.

Ao reduzir o volume de fluidos na corrente sanguínea, diuréticos reduzem tanto a pressão sanguínea quando a produção cardíaca. Esta redução cardíaca é possivelmente uma causa da redução da atividade das glândulas salivares, o que reduz a produção de saliva.

Finalmente, diuréticos mudarão a concentração de cálcio citosólico, sódio e hidrogênio nos músculos de células maceradas. A isto é creditada a diminuição de produção das glândulas salivares, o que causa a síndroma da "boca seca"

Outros medicamentos e xerostomia

Em medicamentos que não os bloqueadores, há menos indicadores de causamento de xerostomia -- ainda que seja certamente possível. Os mecanismos, novamente, não são bem compreendidos, mas são provavelmente similares àqueles descritos acima para os diuréticos.

Efeitos da xerostomia

A xerostomia pode afetar a capacidade da pessoa de engolir, falar e sentir gosto de comida. A saliva também tem um papel na redução de problemas dentários e gengivais, e falta de saliva pode aumentar as chances de deterioração dos dentes e doenças da gengiva. Consulte seu médico ou seu dentista para saber mais sobre tratamentos e cuidados preventivos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível