Como conseguir doações em tempos de crises financeiras

Escrito por barbara bryant | Traduzido por jose airton almeida neto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como conseguir doações em tempos de crises financeiras
A criatividade é a chave para conseguir doações em tempos difíceis. (Donations image by Rebs O from Fotolia.com)

As doações para causas beneficentes normalmente desaparecem durante as crises econômicas, então você terá de trabalhar duro e ser mais versátil e diminuir suas expectativas de angariar recursos até que a situação melhore. No entanto, com um pouco de sabedoria e criatividade, você pode continuar recebendo doações, mesmo que não seja o montante que a sua organização costumava receber. Esses tempos são aqueles que você deve fortalecer os laços com os doadores antigos e atuais, utilizando novas abordagens e sempre mantendo a cautela.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Caso os doadores não possam lhe fornecer nenhum dinheiro, aprenda com a experiência deles em vez disso. Você pode ganhar algumas vantagens a partir das riquezas deles, seus contatos influentes, experiências e conselhos. Talvez você conheça um grande escritor, um planejador de eventos ou um outro profissional que possa disponibilizar seus serviços para a sua empresa, como sugerido pelo site Step by Step Fundraising. Pessoas com habilidades em demanda também podem fornecer tempo e conselhos em vez de dinheiro, fornecendo seus serviços gratuitos em troca de doações para a sua causa.

  2. 2

    Solicite às fundações apenas aquilo que estiver faltando. Dificilmente você não terá sucesso em obter ao menos uma pequena doação se eles perceberem que o montante doado a ajudará a conseguir mais para sua organização.

  3. 3

    Solicite artigos usados que as pessoas não usam mais e os venda no eBay ou em um bazar. Muitas organizações aceitam carros usados, por exemplo. Esse é um bom jeito das pessoas se livrarem dos seus entulhos e conseguirem uma dedução nos impostos.

  4. 4

    Forneça incentivos para que as empresas doem. Se você der algo em troca, todos ganham. As fundações de caridade conseguem suas doações para os seus eventos através da exposição de logomarcas em camisas, cartazes e panfletos, por exemplo; ou também podem doar prêmios para sorteios em troca da publicidade. Às vezes é mais fácil fazer doações quando se sabe que também lucrará com isso.

  5. 5

    Use os meios de comunicação para alertar o público sobre a redução das doações. Muitos sopões e abrigos precisam muito dessas doações, as quais diminuem mesmo quando a demanda pelos serviços aumenta, de acordo com a fundação Ruthellen Rubin, em um artigo no site da Giftworks. Anunciar uma causa nobre através de um locutor popular e simpático tocará no âmago das pessoas, e você poderá utilizar a publicidade resultante disto para pedir doações.

  6. 6

    O site fundraiserInsight.org recomenda a pesquisa e a inscrição em programas de auxílios governamentais, caso a sua organização seja elegível a isto. Vários órgãos federais oferecem auxílio e subsídios para uma gama de atividades e também auxiliam os estados, as cidades e os distritos, e você poderá se candidatar também. No site do www.brasil.gov.br você poderá encontrar informações sobre auxílio com recursos federais e informações sobre as ONGs.

Dicas & Advertências

  • Mantenha contato com doadores antigos mesmo que eles não estejam contribuindo no momento. Visite-os, envie novidades sobre suas atividades e agradeça pelo suporte. Quando a coisa melhorar, você terá mais chance de futuramente conseguir sucesso se eles souberem o que você tem feito e que você valoriza a relação com eles não só pelas contribuições.
  • Não embarque em uma estratégia ambiciosa e precipitada para angariar recursos quando o dinheiro estiver curto, principalmente se isso requer uma enorme quantia de dinheiro e um grande treinamento de pessoal e muitos recursos como ponto de partida, adverte Geoffrey Peters, presidente do CDR Fundraising Group. Peters também explica: "O retorno do investimento pode não vir rápido o suficiente para resolver os problemas de curto prazo."

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível