×
Loading ...

O que é e como conseguir um empréstimo

Se você anda endividado e não sabe como resolver essa situação, quem sabe seja hora de pedir um empréstimo. Essa pode ser uma forma eficiente de quitar os débitos já abertos e fugir das altas dos juros. Existem muitas formas de pedir empréstimo pessoal. Por isso, vale a pena investir seu tempo pesquisando taxas e modalidades de empréstimo no seu banco. Aprenda essa e outras dicas para sair do sufoco e não cair em eventuais armadilhas financeiras.

Empréstimos podem ser uma forma eficiente de quitar os débitos já abertos e fugir das altas dos juros (Pixland/Pixland/Getty Images)

Saindo do sufoco

Especialistas em finanças pessoais alertam que tomar dinheiro emprestado é uma decisão que deve ser tomada cuidadosamente. Isso porque o objetivo é aliviar as dívidas e não complicar mais suas finanças pessoais. Alguns fatores devem ser levados em consideração. Entre eles é o fato de que o empréstimo seja usado para sair do sufoco de outras dívidas. Ou seja, nada de pedir um empréstimo simplesmente para sair gastando por aí. O primeiro passo, portanto, é ir ao seu banco e solicitar o maior número de informação possível sobre as modalidades de empréstimo existentes, os prazos para pagamentos e as taxas de juros.

Loading...
Tomar dinheiro emprestado é uma decisão que deve ser tomada cuidadosamente (Ryan McVay/Photodisc/Getty Images)

Cartão de crédito e cheque especial

Basicamente, os juros do empréstimo pessoal podem ir de 3,50% até 6,35% ao mês. No entanto, essas taxas podem ser barganhadas com o banco. É fundamental que você combine esses dois fatores: taxa de juros com prazo de pagamento. É importante conhecer alguns tipos de empréstimo considerados perigosos para o contribuinte graças à alta taxa de juros. Um dos mais arriscados é o cheque especial, cujos juros podem chegar a 8,33% ao mês (ou 160% ao ano). Outro é o cartão de crédito, que tem a vantagem de dar mais prazo de pagamento, mas cujos juros podem ser ainda mais altos do que o cheque especial. Furada na certa.

Usar empréstimos no cartão de crédito pode ser arriscado (Rayes/Photodisc/Getty Images)

Modalidades de empréstimo

Procure a melhor opção de empréstimo para suas necessidades. Atualmente, existe uma grande variedade de tipos de empréstimos entre bancos. Por isso, é fundamental a boa comunicação entre você e seu gerente. Há empréstimos voltados para faixas etárias e faixas de renda. A Caixa Econômica Federal, por exemplo, possui modalidades de empréstimos que vai desde estudantes que desejam fazer uma pós-graduação até soluções financeiras voltadas para aposentados. Alguns empréstimos pessoais podem ser feitos pelo caixa eletrônico ou pela internet. Outras modalidades, porém, exigem certa documentação a ser entregue para o gerente. Procure o tipo de empréstimo mais adequado para você e a sua renda.

As modalidades de empréstimo variam de banco para banco (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Empréstimo consignado

Outra forma de conseguir empréstimo é via crédito consignado. Trata-se de uma modalidade financeira de pagamento indireto. Também deve ser realizado junto com o gerente do seu banco ou de alguma instituição financeira. A diferença do empréstimo comum é que, no crédito consignado, as parcelas são deduzidas diretamente da sua folha de pagamento. As taxas e os juros variam de acordo com o valor e o empréstimo pode ser realizado a no máximo 72 meses. Como a cobrança é automática, esse tipo de empréstimo é considerado mais seguro para a pessoa física.

Outra forma de conseguir empréstimo é via crédito consignado (Keith Brofsky/Photodisc/Getty Images)
Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...