Como ser um bom conselheiro para adolescentes que vêm do interior

Escrito por thea theresa english | Traduzido por marcella narvaes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como ser um bom conselheiro para adolescentes que vêm do interior
Mostre compaixão e paciência quando monitorar alunos do interior (students image by Ivanna Buldakova from Fotolia.com)

Como a vida para adolescentes do interior pode ser difícil, é benéfico para eles ter mentores que os ajudarão a se manter no caminho certo e oferecerem incentivo. Quando estiver os aconselhando, pergunte sobre a vida diária do adolescente, pois isso lhe dará uma ideia melhor dos problemas dos quais você pode precisar oferecer ajuda. Sempre mostre compaixão quando oferecer críticas construtivas, pois isso os ajuda a não ficarem defensivos e permite que pensem sobre o que você está tentando ensinar. Você pode se tornar um conselheiro através do grupo de jovens de igrejas ou através de escolas.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Envolva os pais do adolescente. Se ele estiver interessado em participar de feiras de profissão em sua região, visite a casa do adolescente e converse com os pais sobre quais são os objetivos dele. Peça para que os pais digam quais são os pontos fortes e fracos e também o que eles acham que o filho precisa fazer para se aperfeiçoar a fim de entrar na faculdade.

  2. 2

    Façam atividades juntos. Pergunte quais são os interesses do adolescente e procure atividades ligadas a esses interesses. Por exemplo, se ele deseja participar de aulas de gastronomia, leve-o para essas aulas em uma faculdade. Ou, se ele mostra interesse por músicas jazz, procure shows grátis na região que permitem que adolescentes entrem.

  3. 3

    Compartilhe suas experiências de vida. Parte de ser um bom conselheiro é usar as lições de vida que você aprendeu para formar o futuro de outra pessoa. Se esteve em um relacionamento abusivo quando esteve na faculdade, converse com o adolescente sobre os sinais de um relacionamento ruim e como determinar se é saudável ou não. Se você precisou trabalhar na sua adolescência para ajudar seus pais, explique a importância de uma ética forte e sobre como controlar o dinheiro de forma sábia.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível