Consequências ambientais da produção de chiclete

Escrito por kigerani po | Traduzido por fernanda afonso
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Consequências ambientais da produção de chiclete
O chiclete é não biodegradável e contribui negativamente para o meio-ambiente. (stale gum image by easaab from Fotolia.com)

De acordo com o canal “Planet Green”, uma pessoa masca mais de 300 chicletes a cada ano. Mascar chicletes tornou-se um enorme problema de poluição e afeta negativamente o meio-ambiente. Devido à sua natureza não biodegradável, o chiclete não se dissolve ou se decompõe e cada pedaço jogado fora perdura por décadas. Devido ao alto custo relacionado à limpeza da poluição causada por chicletes, alguns governos, como Singapura, baniram completamente sua compra.

Outras pessoas estão lendo

Problema de poluição

Com as pessoas jogando, sem nenhum cuidado, seus chicletes em calçadas e grudando-os embaixo de mesas ou em paredes, a poluição causada pelas gomas de mascar está se tornando um problema grave para departamentos de saneamento ao redor do mundo. Como o chiclete não se decompõe, ele permanece onde quer que tenha sido deixado por uma série de anos. Governos são forçados a usar o dinheiro do contribuinte para livrar as ruas dos chicletes que são descartados de forma inapropriada.

Remoção química

Remover, um por um, cada pedaço de chiclete é impossível. Dessa forma, certas pesticidas, como produtos químicos, são usadas para limpar a sujeira por eles causada. Estes pesticidas liberam um odor desagradável no ar. Entretanto, o governo é forçado a utilizar esta forma de limpeza, por ser a mais eficiente.

A vida animal e nos oceanos é afetada

A morte de muitos pássaros ocorre pela ingestão de chicletes deixados no meio-ambiente. Engolí-los é prejudicial a humanos e é ainda pior para pássaros. Além disso, o tratamento das gomas de mascar por produtos químicos, utilizados para esterilizar bactérias que se formam com a mastigação, provoca a contaminação da água da chuva que acaba em sarjetas, esgotos e, finalmente, em nossos oceanos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível