Como consertar um motor de carro rateando

Escrito por dan ferrell | Traduzido por valeria jardim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como consertar um motor de carro rateando
Uma inspeção rápida pode resolver o incômodo problema do motor rateando (Spencer Platt/Getty Images News/Getty Images)

Um motor de carro rateando pode ser devido a um ou mais componentes defeituosos. O problema poderia vir do sistema de ignição, que inclui peças como velas, cabos de vela, tampa do distribuidor e bobina. Outro possível culpado é um componente defeituoso que afeta a mistura ar / combustível, como uma sonda lambda, um sensor de posição da borboleta ou de temperatura do motor ruim. Os passos sugeridos abaixo irão ajudá-lo a resolver os problemas mais comuns em um motor de carro.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Ohmímetro
  • Estetoscópio mecânico
  • Scanner

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Verifique os componentes do sistema de ignição secundário. Procure por cabos de vela com isolamento queimado ou danificado. Retire cada um e verifique se há cabos com os condutores quebrados. Um cabo de vela ruim evita que uma boa centelha chegue ao cilindro. Remova as velas de ignição e verifique se os eletrodos estão desgastados e se os conectores estão sujos. A tampa do distribuidor e a bobina devem estar livres de fissuras e camadas de carbono. Substitua os componentes, conforme necessário.

  2. 2

    Verifique a resistência da bobina de ignição através de um ohmímetro. Se a bobina estiver fora de especificações do fabricante, troque-a. Para mais informações, consulte a seção "Dicas", no final deste artigo.

  3. 3

    Verifique o estado dos bicos injetores de combustível. Ligue o motor e, usando um estetoscópio mecânico, ouça cada bico injetor de combustível com o motor ocioso. Você deve ouvir um som de clique conforme o bico injetor abre e fecha. Caso contrário, ele pode estar com defeito. Leve o carro a uma oficina mecânica para testes adicionais, se necessário.

  4. 4

    Ligue o motor e verifique o padrão de pulverização de combustível no corpo da borboleta, caso o seu veículo possua uma. Remova o conjunto de admissão de ar. A pulverização deve estar um padrão "V", parcialmente borrifada. Um padrão sólido, pobre ou irregular pode indicar problemas no bico injetor.

  5. 5

    Verifique o estado das mangueiras a vácuo que conectam os componentes no motor. Procure por mangueiras soltas, rasgadas, caídas ou danificadas. Um vazamento de vácuo afeta o desempenho do motor. Substitua as mangueiras a vácuo, se necessário.

  6. 6

    Substitua os filtros de combustível e de ar nos intervalos recomendados pelo fabricante. Um filtro de combustível ou de ar sujo ou entupido impedirá o funcionamento do motor. Consulte o manual do proprietário do carro ou o manual de serviço do veículo, para saber os intervalos de manutenção recomendados.

  7. 7

    Ligue um scanner no computador do carro, se ele vem equipado com um sistema de diagnóstico de segunda geração a bordo (OBD II). Pode-se alugar esta ferramenta ou solicitar um diagnóstico sem custo em muitas lojas de autopeças. Esse exame pode revelar o estado de componentes importantes como o virabrequim, os sensores de posição do comando de válvulas e os sensores de detonação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível