Como consertar rachaduras em um violão

Escrito por diane majors | Traduzido por augusto morgante
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como consertar rachaduras em um violão
Os violões são normalmente feitos de madeira e podem apresentar rachaduras com o tempo (PhotoObjects.net/PhotoObjects.net/Getty Images)

Com o aparecimento de rachaduras no corpo de um violão, a sonoridade dele será afetada negativamente. Se elas não forem tratadas imediatamente, podem se agravar e acabar despedaçando o instrumento. Dois dos maiores culpados pelo aparecimento de rachaduras em violões são o ressecamento da madeira e a manutenção insuficiente do seu acabamento.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Cola de madeira
  • Cera para violão
  • Pano de seda
  • Cinta ou pedaço de trapo

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Avalie as rachaduras e verifique se elas são suficientemente superficiais para que você mesmo possa repará-las. Caso elas sejam muito profundas, é melhor deixar que um profissional realize o conserto.

  2. 2

    Examine as rachaduras para determinar se estão abertas ou fechadas, e a maneira como estão alinhadas.

  3. 3

    Use cola de madeira para vedar as rachaduras. Não utilize mais cola do que realmente necessário, apenas o suficiente para efetuar o serviço, caso contrário ela poderá espalhar-se pelo violão inteiro.

  4. 4

    Com uma cinta ou pedaço de trapo, amarre firmemente o violão. Talvez você necessite de alguém para ajudá-lo com essa parte. Deixe secar por pelo menos 24 horas.

  5. 5

    Encere a parte externa do violão depois que a cola estiver seca. Tente obter um acabamento brilhante e uniforme em toda a superfície dele.

Dicas & Advertências

  • Certifique-se de verificar regularmente a existência de rachaduras no seu instrumento, assim você terá melhores chances de conseguir consertá-las.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível