Onde no corpo é produzida a serotonina?

Escrito por elizabeth manson | Traduzido por daniela afonso
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Onde no corpo é produzida a serotonina?
A urina pode ter um tom amarelo vivo causado pela alta ingestão de vitaminas (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

A serotonina é um neurotransmissor essencial responsável por regular várias atividades cerebrais e do corpo. Embora as pessoas associem a serotonina só com o cérebro, devido ao seu papel como um neurotransmissor, o cérebro apenas sintetiza e abriga cerca de 5 por cento do suprimento de serotonina do corpo. O intestino delgado produz o resto, e essa serotonina nunca encontra o seu caminho para o cérebro; ao invés disso, ela desempenha outras funções no organismo.

Outras pessoas estão lendo

Os fatos

Duas áreas produzem serotonina: os intestinos e cérebro. Os neurônios a produzem no cérebro. As serotoninas nestas duas áreas são distintas. Isto é, a proveniente do intestino não pode ir para o cérebro devido à barreira hemato-encefálica, que o organismo utiliza para protegê-lo de toxinas.

Função

A serotonina no cérebro regula o humor, o apetite e o sono. Ela também cria um "bom" sentimento em geral. Uma deficiência na serotonina pode resultar em depressão, ansiedade, comportamento violento e obesidade.

Teorias

Até recentemente, os cientistas pensavam que a serotonina produzida no duodeno ("intestinos") regulava a digestão. Na edição da "Cell" de 26 de novembro de 2008, o Dr. Gerard Karsenty do grupo de pesquisa da Universidade de Columbia descobriu que um gene no intestino, LRP5, controlava a síntese de serotonina. Manipulando este gene, causaram mudanças na óssea. Assim, Karsenty conclui: "Os resultados demonstram, sem sombra de dúvida, que a serotonina no intestino está agindo como um hormônio para regular a massa óssea."

Triptofano

O aminoácido triptofano é essencial na síntese de serotonina, mas o organismo não o produz, ele deve ser ingerido. Simon N. Young, o editor-chefe do Journal of Psychiatry, afirma que, ao contrário da crença popular, comer peru (que é associado com triptofano e sonolência) e outros alimentos ricos em proteína (que na verdade contêm a mesma quantidade de triptofano) não vai aumentar drasticamente os níveis de serotonina no cérebro. A barreira hemato-encefálica apenas permite que quantidades reguladas de aminoácidos entrem no cérebro, e o triptofano deve competir com os aminoácidos mais abundantes para entrar.

Remédios

Um remédio comum para a deficiência de serotonina é um inibidor seletivo de recaptação de serotonina (ISRS) como Prozac. Os ISRSs tentam preservar a serotonina já existente no cérebro, em vez de ajudar a produzir mais. Muitos cientistas acreditam que o melhor tratamento para a deficiência de serotonina é a ingestão de 5-HTP, um aminoácido produzido anteriormente à serotonina no processo de síntese, uma vez que este aumenta os níveis de serotonina. Ele também atravessa a barreira hemato-encefálica mais facilmente do que o triptofano.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível