O que fazer se uma correia estiver escorregando em uma scooter?

Escrito por richard rowe | Traduzido por gabriela cubayachi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que fazer se uma correia estiver escorregando em uma scooter?
O que fazer quando as correias de uma scooter estão escorregando (Thinkstock Images/Comstock/Getty Images)

Scooters elétricas e a gasolina são ótimas alternativas para aqueles interessados em transporte e mobilidade pessoal. Essas máquinas versáteis oferecem a conveniência de uma bicicleta com velocidade e facilidade de uma moto comum. Muitas scooters a gasolina usam um tipo de correia que é menos barulhenta, mais leve e quase tão eficiente quanto uma corrente. Essas correias eventualmente começam a desgastar e a escorregar, e é aí que surge a necessidade de uma pequena manutenção básica.

Outras pessoas estão lendo

Limpe e seque

A principal causa do escorregamento de uma correia em qualquer scooter é a presença de água, óleo ou graxa nela. Alguns modelos são mais suscetíveis a essa condição do que outros; o escapamento de um motor de dois tempos é cheio de óleo vaporizado, que pode acumular na correia e na superfície das polias. Retire a correria das polias, limpe-as e espirre um limpador de carburador ou de freios, depois lixe com uma lixa grão 180. Limpe as duas polias e a correia com água e sabão. Depois de secar toda a área limpa, reinstale a correia e procure por algum barulho.

Tensionando e alinhando

Se a correia ainda estiver fazer barulho, ajuste o tensionador, caso você tenha um. A correia deve desviar não mais do que 1,3 cm do centro da maior distância. O tensionador geralmente fica embaixo da correia, e é ajustado para dentro ou para fora através de uma ligação de rosca. Gire a correia no sentido horário para aumentar a tensão, ou anti-horário para diminuí-la. Se a polia está ajustada com o máximo de distância que consegue alcançar e você ainda pode desviar a correia mais de 1,3 cm, então o tensionador pode estar gasto e precisa ser trocado.

Se a correia continua fazendo barulho, mesmo quando a tensão estiver no local correto, tente aplicar um alinhador de correia, como aqueles fabricados pela Gunk. Esses alinhadores são uma espécie de cola, e podem diminuir de forma significativa o escorregamento da correia.

Troca

Se você já limpou as polias, ajustou a tensão, aplicou o alinhador da correia, e mesmo assim ela continua escorregando, então você precisa de uma nova. Considere comprar uma correia mais moderna com um reforço da Kevlar e um composto de borracha mais grudento. Isso é especialmente importante para scooters equipadas com CVT (transmissão continuamente variável). Embora mais cara, uma correia reforçada da Kevlar de R$ 200,00 irá aguentar melhor durante o aquecimento extremo que acontece nessas correias de transmissão.

Passageiros mais pesados que estão equipados com correias sem CVT podem precisar de um sistema de correias com dentes. Essas correias requerem equipamentos compatíveis, como polias, mas oferecem um poder inigualável a qualquer tipo de correias. Um sistema de dentes geralmente ultrapassa um sistema de correias lisas, e da às scooters de alta performance a habilidade de andarem em rampas íngremes sem nenhuma possibilidade de derraparem.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível