Mais
×

Como cozinhar cauda de lagosta descongelada

Atualizado em 19 julho, 2017

Cozinhar uma lagosta viva pode ser uma tarefa assustadora para alguns. Felizmente, as caudas da lagosta, parte do crustáceo que contém a maior parte de sua carne, são convenientemente vendidas congeladas. A carne firme e com sabor delicado podem torná-las um complemento versátil para uma refeição especial. Elas podem ser servidas como na maioria das receitas que ensinam como uma lagosta viva é preparada e vai bem com uma variedade de métodos para cozinhar. A maneira mais fácil de preparar 500 g de cauda de lagosta é cozinhá-la e mergulhá-la na manteiga, a doçura da carne complementa a riqueza salgada da manteiga.

Instruções

Caudas de lagostas são grandes fontes de proteína (lobsters on a red plate - close up image by Andrew Brown from Fotolia.com)
  1. Coloque a cauda da lagosta congelada na geladeira no dia anterior do preparo. Se não tiver tempo, tente colocar o crustáceo numa bacia e deixe escorrer água, até que esteja totalmente descongelada.

  2. Coloque uma pequena quantidade de água, apenas dois ou três dedos, em uma panela, tampe-a e espere ferver.

  3. Coloque a cauda de lagosta descongelada em uma cesta de vapor e solte-a na panela de água fervente.

  4. Coloque a tampa da panela e deixe a lagosta cozinhar por 16 minutos.

  5. Tire a cauda da panela de vapor.

  6. Corte a casca com a ajuda da tesoura, e sirva a carne com manteiga derretida como molho.

Dicas

  • Cuidado para não cozinhar demais a lagosta, isso a deixará com uma consistência dura.
  • Qualquer que seja o método de cozimento que for utilizado, as caudas levaram cerca de seis a oito minutos por 2,5 cm de espessura para ser cozido. A cor da casca se transforma do marrom escuro ao vermelho brilhante, e a carne estará firme e branca.

Aviso

  • Sempre tome cuidado na cozinha para evitar acidentes.

O que você precisa

  • Panela de vapor
  • Tesoura ou quebradores especiais de lagosta
  • Manteiga derretida
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article