Crianças prodígio: vidas tumultuadas

Escrito por josie ribeiro
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Crianças prodígio: vidas tumultuadas
Macaulay Culkin teve problemas com vários tipos de drogas, além de ser viciado em cigarro (David Livingston/Getty Images Entertainment/Getty Images)

A triste história se repete: crianças prodígio com um sensacional talento começam a ganhar dinheiro muito cedo e se perdem em meio a tanto glamour e fama. Muitos não aguentaram a pressão da mídia, dos pais, fãs e empresários, outros apenas não foram bem instruídos sobre como lidar com tudo isso. Relembre as polêmicas de Macaulay Culkin, Gary Coleman, Lindsay Lohan e Michael Jackson.

Outras pessoas estão lendo

Macaulay Culkin

O astro Macaulay Culkin ficou mundialmente conhecido por estrelar sucessos como "Esqueceram de Mim", "Meu Primeiro Amor", "Anjo Malvado" e "Riquinho". A decadência começou quando seus pais passaram a lutar por sua fortuna em 1994, fazendo com que o ator se afastasse do cinema e do mundo. Apesar de ter ganho na justiça o direito de cuidar de seu próprio dinheiro, Culkin não superou os problemas. Seu envolvimento com as drogas piorou após o rompimento com a atriz Mila Kunis, quando chegou a gastar cerca de 12 mil reais em medicamentos. Felizmente o ator deu a volta por cima e aos poucos retoma a carreira.

Gary Coleman

Conhecido por seu papel na série "Arnold", Gary Coleman teve uma disfunção renal que o impediu de crescer, mantendo-o com a aparência de uma criança. Com o fim da série, o ator passou a fazer pequenas aparições na TV, mas foi logo esquecido. Coleman processou os pais por terem roubado seu dinheiro. Sem fama e endividado, o ator tentou suicídio duas vezes. O eterno Arnold morreu em 2010, após cair de uma escada em sua casa. Por uma disputa judicial entre seus pais e a ex-esposa, o corpo ficou mais de um ano sem ser enterrado, quando a justiça decidiu atender a vontade do ator e cremar seu corpo.

Crianças prodígio: vidas tumultuadas
O ator Gary Coleman chegou a ser processado por bater em uma fã que insistia em obter um autógrafo (Michael Loccisano/Getty Images Entertainment/Getty Images)

Lindsay Lohan

Lindsay Lohan começou sua carreira no cinema interpretando gêmeas no filme "Operação Cupido" e também ficou famosa por estrelar "Sexta-Feira Muito Louca", "Meninas Malvadas" e "Herbie, Meu Fusca Turbinado". O futuro promissor da atriz começou a ser atrapalhado quando ela tinha apenas 18 anos, ao se envolver com drogas e álcool, que a levaram a ser detida e julgada diversas vezes. Lohan também foi acusada de roubar um colar e de atropelar uma pessoa e não prestar socorro. Ainda podem ser incluídos na lista seu relacionamento conturbado com a DJ Samantha Ronson e os distúrbios alimentares.

Crianças prodígio: vidas tumultuadas
Lohan chora ao lado da advogada após ouvir a sentença que a condenou a 90 dias de prisão por violar a condicional (David McNew/Getty Images Entertainment/Getty Images)

Michael Jackson

O rei do pop, Michael Jackson, iniciou sua brilhante trajetória como cantor do grupo Jackson 5, formado por ele e quatro irmãos. Já em carreira solo, foi o responsável pelo disco mais vendido na história: Thriller. O artista teve a infância marcada pela violência do pai e uma adolescência problemática. Entre as muitas polêmicas que marcaram a vida do astro estão um possível casamento de fachada com a filha de Elvis Presley, a dependência de analgésicos, o segredo sobre a identidade da mãe de um dos seus filhos e processos por abuso sexual infantil. Michael morreu em 2009, aos 50 anos de idade, por overdose de anestésico.

Crianças prodígio: vidas tumultuadas
Michael Jackson chegou a acertar sua volta aos palcos, mas morreu um mês antes da primeira apresentação (Phil Walter/Hulton Archive/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível