Como criar ostras comercialmente

Escrito por b. maté | Traduzido por beatriz palma
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como criar ostras comercialmente
Granjas de ostras são localizadas sobre águas rasas do mar (China Photos/Getty Images News/Getty Images)

A criação de ostras começou a se desenvolver no fim da década de 1850, como uma resposta à falta de criadouros de moluscos. Os pioneiros desse empreendimento descobriram uma forma de produzir ostras a partir de embriões fecundados. Produto de um longo processo, que dura de dois a quatro anos, as larvas de ostra são cultivadas em granjas localizadas sobre água de mar rasa, em lugares como baías e canais. Atualmente, a criação de ostras é um grande negócio, sendo a China um dos maiores fornecedores do mundo.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Baldes grandes de plástico (de aproximadamente 20 litros)
  • Tanques grandes para peixes (aproximadamente de 2 m x 1 m)
  • Aquecedores de aquário
  • "Ninhos" de ostras
  • Gaiolas para ostras
  • Compartimentos refrigerados

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Colete ovos de ostras em desova. As ostras criadas comercialmente começam a produzir ovos fecundados quando a temperatura da água está entre 21 °C e 25 °C. Quando o espermatozoide fecunda o óvulo, ganha um formato cilíndrico, de modo que fica mais fácil recolhê-lo. Um balde de 20 litros pode carregar mais de 100 milhões de ovos. Estes levam aproximadamente 24 horas para se desenvolverem em larvas e, depois de duas semanas, estão prontos para serem colocados nos "ninhos". Reduza a temperatura dos baldes para aproximadamente 5 °C, para fazer com que as larvas entrem em um estado dormente.

  2. 2

    Despeje os baldes de larvas dentro de um tanque comercial para peixes, preenchido com água salgada, rica em algas e fitoplânctons, vinda do mesmo lugar onde os ovos foram recolhidos. Eleve gradualmente a temperatura da água com um aquecedor para aquários, até atingir 27 °C. Coloque no tanque os "ninhos" para ostras, que são fios de metal enrolados, que limpam as conchas das ostras. Assim que as larvas aderirem às conchas, a temperatura do tanque pode ser reduzida para 21 °C.

  3. 3

    Transfira as conchas contendo filhotes de ostra para o lado de fora da granja. No criadouro, serão necessárias gaiolas para ostras, que consistem em varas de bambu ou madeira arranjadas em forma de grade. Elas são colocadas nas áreas da baía, que apresentem muitas ervas marinhas e macroalgas, recriando o habitat natural das ostras e providenciando alimentos para elas. Os filhotes crescerão nessas condições até amadurecerem.

  4. 4

    Traga as ostras para a superfície e retire-as das varas quando os moluscos estiverem maduros. Ainda que as ostras pequenas estejam prontas depois de dois anos, os viveiros comerciais normalmente levam até quatro anos para obter ostras maiores e completamente maduras. Coloque etiquetas de identificação em cada concha e inspecione a qualidade antes de refrigerá-las em engradados. Faça isso a uma temperatura de 5 ºC a 7 °C. Depois desse procedimento, elas estarão prontas para distribuição.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível