Como criar uma piranha

Escrito por elyse james | Traduzido por paula soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como criar uma piranha
Piranhas não devem ser colocadas junto com outros peixes (John Foxx/Stockbyte/Getty Images)

Piranhas tem a reputação de ser uma espécie sanguinária comedora de homens. No entanto, estes pequenos peixes têm atraído a atenção de criadores de peixes que conseguem ver além dos dentes afiados. Muitas pessoas têm piranhas como animais de estimação porque são peixes muito interessantes para observar e aprender sobre. Elas são relativamente resistentes e fáceis de cuidar se você se preparar adequadamente antes de comprar uma.

Nível de dificuldade:
Moderado

O que você precisa?

  • Aquário
  • Rochas ou areia
  • Plantas
  • Kit de teste de água
  • Termômetro
  • Filtro
  • Aquecedor
  • Alimentos (congelados ou vivos)

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Compre as espécies corretas de piranha para o seu aquário. Piranhas de barriga vermelha são o tipo mais fácil de cuidar e também o mais barato. Se você encontrar um pet shop bem equipado, pode ser capaz obter a piranha maculatus ou spilopleura. Escolha um peixe que pareça alerta e saudável. Analise seu corpo para se certificar de que não estão faltando barbatanas e de que ele não está doente.

  2. 2

    Monte o aquário em uma área tranquila da sua casa para minimizar o estresse do peixe. O tanque deve ser grande o suficiente para acomodar o peixe adulto, que pode crescer até 15 cm de comprimento. Geralmente, você vai precisar de cerca de 20 litros de água por peixe adulto.

  3. 3

    Prepare o interior do aquário. Preencha o fundo do tanque com cascalho ou areia fina e, em seguida, coloque plantas para ajudar com o ciclo do nitrogênio. Algumas piranhas irão comer as plantas, então elas não são apenas para decoração. Encha o tanque com água e faça os testes para garantir que os níveis de pH estão equilibrados e os nitritos no tanque estão em um nível seguro.

  4. 4

    Adicione rochas, plantas e outros objetos no aquário para que o peixe tenha onde se esconder. Apesar da sua reputação malvada, piranhas são peixes muito assustados e precisam de esconderijos para que não fiquem estressadas.

  5. 5

    Instale um filtro no tanque. O filtro vai ajudar o ciclo do nitrogênio e manter os níveis de nitrato sob controle - altos níveis de nitrato podem ser prejudiciais para as piranhas.

  6. 6

    Mantenha a temperatura da água do tanque entre 25 e 27 graus centígrados. Piranhas são peixes tropicais e precisam de temperaturas mais quentes. Use um termômetro de aquário e um aquecedor para ajudar a manter o tanque na temperatura adequada.

  7. 7

    Faça a manutenção semanal do tanque. É recomendado que mude cerca de 20 a 25% da água do tanque por semana.Isto irá assegurar um ambiente limpo para a piranha. Você também deve aspirar todo o alimento não consumidos e detritos do fundo do tanque, além de fazer testes rotineiros da qualidade da água.

  8. 8

    Alimente a piranha com alimentos congelados, como camarão, lula ou insetos. Nesse caso, não há necessidade de descongelar a comida, a água quente no tanque vai fazer isso por você. Se você quer alimentá-la com uma presa viva, use peixes que são vendidos especialmente para essa finalidade. Piranhas podem ser exigentes com o que comem e pode levar algum tempo para você descobrir qual a comida favorita delas. Elas gostam de diversificar e você deve alternar as opções de alimento para que elas continuem interessadas em comer.

  9. 9

    Jovens piranhas devem receber várias pequenas refeições ao longo do dia até que atinjam o tamanho adulto. Depois, você pode diminuir as refeições lentamente para uma vez ao dia e, eventualmente, para uma vez a cada dois ou três dias. Como regra geral, dê a piranha a quantidade de comida que ela consegue ingerir em dois minutos. Quando você já estiver com o peixe por algum tempo, vai entender melhor seu apetite e poderá regular as refeições de acordo com ele. Quando elas terminarem de comer, remova todos os restos do fundo do aquário para evitar que o alimento comece a decompor e aumente os níveis de nitrito.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível