Mais
×

Como criar sanguessugas medicinais

Atualizado em 17 abril, 2017

Sanguessugas são vermes segmentados comuns chamados de anelídeos. Eles têm sido vistos como parasitas, aderindo à pele e inchando com o sangue do hospedeiro. Daí a expressão: "sanguessuga." Mas, de acordo com o Museu Nacional de Saúde, estes pequenos anelídeos, que são encontrados em diversos ambientes, como grandes rios e pântanos, foram usados ​​por médicos durante séculos para tratar problemas de tensão muscular em doenças do coração.

Instruções

Sanguessugas são facilmente distinguidos dos outros vermes. (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)
  1. Obtenha autorização da Anvisa, caso você pretenda vender suas sanguessugas para uso medicinal. De acordo com a WebMD, a FDA americana aprovou em 2004, a pedido de uma empresa francesa chamada Ricarimpex, a venda medicinal de sanguessugas como "plano médico". Embora a empresa crie sanguessugas durante um século e meio, ela queria começar a vender as criaturas para instalações médicas americanas. Veja o segundo link na seção de Recursos para obter informações sobre o formulário para certificação do FDA.

  2. Compre sanguessugas medicinais em uma loja que forneça produtos científicos ou de uma fonte online para começar sua própria colônia (veja o primeiro link na seção de Recursos). Somente o gênero Hirudo medicinalis e mais cerca de uma dúzia de outras espécies de sanguessugas se qualificam como sanguessugas medicinais.

  3. Preencha 3/4 de seu aquário com água de nascente, uma vez que ela não contém aditivos nocivos, como o cloro.

  4. Coloque plantas aquáticas e outros materiais naturais como pedras ou troncos para dar abrigo para as sanguessugas.

  5. Alimente suas sanguessugas com moderação, a partir de uma gama de alimentos recomendados pelo varejista. Alimente-as com pequenas refeições semanalmente usando caracóis, minhocas e insetos aquáticos. Já refeições maiores como sapos e tartarugas pequenas podem ser dadas a cada um ou dois meses. De acordo com o Dailypuppy.com, uma colônia de sanguessugas pequenas pode viver parasitando um sapo vivo ou uma tartaruga por até seis meses.

  6. Troque um pouco da água algumas vezes por mês. Isto manterá o tanque limpo e ajuda a evitar abalos às sanguessugas. Já que uma troca total de água pode alterar drasticamente a composição química de seu habitat.

Dicas

  • Use sanguessugas como isca se seu uso medicinal estiver fora de cogitação.

O que você precisa

  • Aquário de vidro com tampa blindada (38 litros ou maior)
  • Água mineral natural
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article