Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access

Escrito por nina nixon Google | Traduzido por juarez jr.
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
Crie tabelas dinâmicas (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

As tabelas dinâmicas podem revelar informações geográficas dos clientes instantaneamente. Elas podem ser usadas ​​para resumir encomendas por estado, cidade e empresa e registrar muito mais de várias maneiras diferentes. Uma vez que os dados são inseridos, uma tabela dinâmica faz o resto do trabalho com as seleções de categorias marcadas e desmarcadas para classificar as informações. Criar tabelas dinâmicas utilizando amostras do Access é uma maneira rápida de se familiarizar com esse tipo de ação de filtragem. As etapas a seguir ilustram como você pode obter as respostas que precisa muito mais rápido apontando dados filtrados através do uso destas tabelas.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Amostra de banco de dados do Access

Lista completaMinimizar

Instruções

    Trabalhar com tabelas dinâmicas

  1. 1

    Abra o Access e puxe uma amostra de arquivo de banco de dados do Access. Se você não tiver um no seu computador, baixe uma amostra no site da Microsoft (consulte Recursos para obter o link).

  2. 2

    Selecione "Tabelas" da coluna "Objetos".

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Tabelas
  3. 3

    Faça uma seleção das categorias de tabelas e clique duas vezes sobre elas, por exemplo: clientes, empregados ou detalhes do produto.

  4. 4

    Selecione "Exibição de tabelas dinâmicas" no menu "Exibir".

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Exibição de tabelas dinâmicas
  5. 5

    Arraste e solte os itens desejados na "Lista de campos da tabela dinâmica". Para fazer isso, clique com o botão esquerdo do mouse e, em seguida, arraste um item para cada área de coluna ou a área de linha. No exemplo mostrado aqui, algumas categorias foram arrastadas e soltas para a área de coluna, e a categoria "Método de envio e Destino" foi arrastada e solta para a área de linha.

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Organizar categorias
  6. 6

    Descubra o destino da ecomenda de outra empresa. Desmarque todas as entradas anteriores, clicando duas vezes em "Todos" sob o nome da empresa dentro da tabela dinâmica.

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Descubra o destino da ecomenda de outra empresa
  7. 7

    Clique em "OK". O destino da ecomenda daquela determinada empresa aparecerá.

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Estado do navio

    Encontre o ID do cliente de uma empresa

  1. 1

    Abra o arquivo de exemplo banco de dados Access.

  2. 2

    Selecione "Tabelas" na coluna "Objetos".

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Tabelas
  3. 3

    Clique duas vezes sobre a tabela "Clientes".

  4. 4

    Selecione "Exibição de tabelas dinâmicas" no menu "Exibir".

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Exibição de tabelas dinâmicas
  5. 5

    Arraste e solte o campo "Nome da empresa" retirado da lista de campos da tabela dinâmica para a área de linha.

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Nome da empresa
  6. 6

    Arraste e solte o campo "ID de Usuário" tirada da lista de campos da tabela dinâmica para a área central "Totais e Detalhes" na tabela dinâmica.

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    ID do usuário
  7. 7

    Utilize o menu "Nome da empresa" e selecione a empresa e clique em "OK".

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    Selecione o nome da empresa
  8. 8

    Observe que o número de identificação do cliente será exibido ao lado do nome da empresa escolhida.

    Como criar tabelas dinâmicas com amostras do MS Access
    ID do usuário

Dicas & Advertências

  • Para obter o máxima utilização de tabelas dinâmicas, determine qual informação seria mais útil se resumida rapidamente, e, em seguida, crie em torno desses objetivos.
  • Como elas dependem de dados digitados anteriormente, sua tabela dinâmica poderá ser inútil se um processo de atualização confiável não for posto em prática. Portanto, verifique se os dados subjacentes são atualizados regularmente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível