Mais
×

Como curar fístula canina

Atualizado em 17 abril, 2017

Fístulas, mais precisamente as fístulas perianais, começam como pequenas lesões na pele perto da área retal. As feridas podem expandir-se para então cobrir a totalidade do perímetro da área anal. Todos os cães são suscetíveis a essas feridas, mas pastores alemães compreendem 80 por cento de todos os casos, de acordo com a Faculdade Americana de Cirurgiões Veterinários. Curar o seu animal de estimação dessas feridas pode ser feito de várias maneiras; seu veterinário recomendará a melhor.

Instruções

Todos os cães são suscetíveis a fístulas perianais (George Doyle & Ciaran Griffin/Stockbyte/Getty Images)
  1. Leve seu cão ao veterinário. Essa condição geralmente não pode ser tratada com remédios caseiros. Um veterinário é mais adequado para encontrar uma solução para você.

  2. Siga as instruções do veterinário. Isso pode incluir a mudança da dieta de seu cão para uma dieta mais proteica ou o uso de antibióticos.

  3. Prepare-se para a possibilidade de cirurgia. O veterinário pode recomendar um procedimento cirúrgico, se as feridas ainda não forem muito grandes. Ele também pode recomendar a cirurgia se as glândulas anais (sacos anais) foram afetadas ou se as fístulas não se curaram após todas as opções de tratamento terem se esgotado. A cirurgia irá remover o tecido morto e acelerar o processo de cicatrização.

Dicas

  • Você pode ajudar o cão antes do tratamento médico cortando os pelos ao redor das lesões e limpando a área com iodo.

Aviso

  • Após a cirurgia, o cão terá feridas abertas que precisarão de cuidado por semanas após a cirurgia. Isso é feito através da limpeza suave da ferida todos os dias, até que ela se cure.
bibliography-icon icon for annotation tool Cite this Article