Como descobrir se seu funcionário está roubando você

Escrito por ehow contributor | Traduzido por ingrid marçal
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como descobrir se seu funcionário está roubando você
Empregados desonestos são um desafio e tanto para as empresas (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Empregados desonestos são um dos maiores desafios que qualquer negócio tem de enfrentar. Como administrador ou empresário, muitas vezes é possível notar certas discrepâncias durante o fechamento de caixa. Isso pode ser um indício de que há algum funcionário desonesto na empresa.

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Câmera de vigilância
  • Fotocopiadora

Lista completaMinimizar

Instruções

    Como proceder

  1. 1

    Não diga a seus funcionários que há um desonesto entre eles. Você pode acabar acusando alguém injustamente e gerar uma série de fofocas entre seus funcionários.

  2. 2

    Observe e tente descobrir quais são os dias e turnos que mais apresentam discrepâncias no fechamento de caixa. Isso poderá dar indícios do horário de trabalho do funcionário desonesto.

  3. 3

    Um vez que você já conhece os horários em que o funcionário desonesto trabalha, prepare a armadilha. Instale câmeras de vigilância (é possível comprar câmeras a um bom preço pela internet). Essas câmeras devem ser escondidas. Normalmente elas permitem a conexão a um monitor em uma sala remota ou permitem o monitoramento via web. Agora você está apto a descobrir quem é seu funcionário desonesto monitorando a caixa registradora, cofre, ou qualquer outro lugar desejado. É recomendável ter alguém para fazer esse monitoramento em tempo real. Dessa forma, na ocorrência de alguma irregularidade, é possível confrontar o funcionário imediatamente. Se não for possível, você terá as gravações da câmera para provar, caso o funcionário negue o crime quando você chamar a polícia.

  4. 4

    Se você resolver trocar a registradora ou refazer todo o registro de caixa, terá a oportunidade de copiar o número de série das notas (ou tire cópias, se for mais fácil). Quando o funcionário negar envolvimento com o desaparecimento do dinheiro e esvaziar os bolsos, você poderá verificar se as notas têm o mesmo serial que as suas e comprovar o crime.

  5. 5

    Confronte o funcionário imediatamente após o roubo. Recomenda-se chamar a segurança ou a polícia, ou ter alguém junto com você ao confrontar o funcionário. Se for possível fazer isso em um lugar público, é menos provável que ele faça escândalos.

  6. 6

    Decida como deseja lidar com a situação. Além de demitir o funcionário, talvez deseje fazer um boletim de ocorrência contra ele. Isso pode levar tempo e demandar algum esforço que não trará seu dinheiro de volta. Determine se vale ou não a pena gastar seu tempo com isso.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível