Como descobrir se a salsicha está estragada

Escrito por zora hughes | Traduzido por dimitrios meimaridis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como descobrir se a salsicha está estragada
Verifique a salsicha que você esqueceu na geladeira antes de prepará-la (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Seja para o seu café da manhã, ou para jogar na churrasqueira, é fácil comprar salsichas e coloca-las na geladeira e se esquecer delas até o dia em que você vai limpar a sua geladeira. Antes de pensar se você deve cozinhar essas salsichas, é crucial que, antes de tudo, você tenha certeza de que elas não estragaram e continuam seguras para serem consumidas.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Como descobrir se a salsicha está estragada

  1. 1

    Olhe para a salsicha. Dependendo do tipo que você tem em mãos, ela pode apresentar uma coloração acinzentada se estiver estragada. Outra coisa que pode aparecer é uma camada gosmenta sobre a salsicha. Qualquer tipo de bolor é um sinal claro de uma salsicha estragada.

  2. 2

    Cheire a salsicha. Quando ruim, ela apresentará um odor azedo, típico de qualquer carne que não está apropriada para o consumo. Se a salsicha apresentar qualquer tipo de odor diferente para você, livre-se dela.

  3. 3

    Verifique o prazo de validade do produto e veja se o prazo não foi ultrapassado. A não ser que você tenha guardado as salsichas no freezer assim que você as comprou. Produtos embutidos frescos devem ser consumidos dentro de um ou dois dias após a compra segundo o USDA Food Safety and Inspection Service. Assados e empacotados, como hambúrgueres de café da manhã, podem ficar até sete dias dentro da geladeira. Salsichas congeladas duram de um a dois meses no freezer. Para evitar o consumo de alimentos estragados, não coma nenhum tipo de produto que está na geladeira mais tempo do que foi citado acima.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível