Destilação a vapor vs. destilação simples

Escrito por crispin trubiano | Traduzido por sonia oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Destilação a vapor vs. destilação simples
A destilação é normalmente usada na produção de bebidas alcóolicas como a vodca e o uísque (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

A destilação é um processo utilizado para separar dois líquidos numa mistura, baseado nos seus respetivos pontos de ebulição. Trata-se de aquecer uma mistura e recolher os vapores ou gases que dela saem. A destilação não envolve a criação nem a modificação dos componentes presentes na mistura, e baseia-se no ponto de vapor e na volatilidade, que são propriedades físicas. A destilação é um processo físico e não químico. A destilação a vapor é um tipo especial usada apenas em certas aplicações.

Outras pessoas estão lendo

A destilação simples

A destilação simples é um processo usado para separar dois líquidos com pontos de ebulição que diferem em aproximadamente 25ºC ou mais, ou para separar um líquido de um componente não volátil com maior viscosidade. A mistura é aquecida até o ponto de ebulição do componente mais volátil, que será o mais baixo dos dois. O vapor daí resultante é recolhido da câmara de aquecimento e é imediatamente condensado de volta à sua forma líquida. Daqui pode resultar um líquido impuro.

Aplicações para a destilação simples

A destilação simples é usada numa grande variedade de aplicações. Mais comumente, a destilação simples é usada na produção de bebidas alcoólicas como a vodca e o uísque. O processo de destilação simples baseia-se na diferença dos pontos de ebulição do etanol (álcool) e da mistura ou 'mingau' usada para a fermentação e síntese inicial do álcool. A destilação simples é também usada no processo de dessalinização, que transforma água salgada em água potável.

A destilação a vapor

A destilação a vapor é usada para separar componentes que são sensíveis ao calor. Alguns componentes orgânicos são sensíveis à temperatura, e decompõem-se às temperaturas necessárias para as destilações simples; no entanto, usando as propriedades dos líquidos imexíveis ou não mescláveis, a destilação pode ser efetuada a temperaturas muito mais baixas. A destilação a vapor é levada a cabo fazendo borbulhar vapor quente através da mistura a ser destilada, recolhendo o vapor que daí resulta. Usar o vapor para aquecer a mistura é uma forma de assegurar-se de que a temperatura dos componentes não excede os 100 graus. O vapor recolhido é então condensado e o líquido daí resultante consiste numa camada de água e outra do componente a ser destilado. Estes componentes são separados devido às propriedades dos líquidos imiscíveis, e podem ser divididos fisicamente pela decantação ou pelo uso de um funil de separação.

Aplicações da destilação a vapor

A destilação a vapor é usada para separar componentes orgânicos sensíveis à temperatura como as substâncias aromáticas. Pode ser usado para extrair óleo de produtos naturais como o óleo de eucalipto, os óleos de citrinos, ou outras substâncias naturais provenientes de matérias orgânicas. Nesta estação do ano, a destilação é bastante utilizada na produção de perfumes e águas de colônia, bem como na produção de alguns materiais de culinária.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível