As desvantagens da integração econômica regional

Escrito por scott thompson | Traduzido por pina bastos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As desvantagens da integração econômica regional
Acordos de integração econômica regional em geral são feitos entre economias menores (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Os acordos de integração econômica regional são tratados entre estados membros de uma determinada região do mundo, como a África Subsaariana ou o Oriente Médio. Esses acordos em geral são feitos entre nações com economias menores, a fim de promover o comércio dentro da região. No entanto, eles podem ter desvantagens também.

Outras pessoas estão lendo

Como funciona a integração econômica regional

A integração econômica regional é um tipo de tratado de liberalização comercial onde os estados membros participantes decidem abolir tarifas e regulamentações restritivas que possam dificultar ou desencorajar o comércio entre eles. As tarifas e as restrições comerciais com nações fora do acordo são mantidas. A ideia é que os estados membros sejam capazes de fortalecer as economias de cada um por meio de apoio mútuo. Os homens de negócios dos países membros serão motivados a comercializar e investir dentro da região por causa da ausência de tarifas e regulamentações.

Diversificação comercial

Os tratados de integração econômica regional em geral são assinados entre nações com economias relativamente pequenas e sem comércio e investimento externo. Embora esses tratados tenham a intenção de promover mais transações comerciais dentro da região, podem ter o efeito não intencional de reduzir o comércio com nações fora do acordo, já que essas nações têm de pagar tarifas e lidar com outras barreiras comerciais que os estados membros não têm. Se o comércio perdido com países não-membros for maior que o comércio ganho com países membros por meio do acordo, o resultado é conhecido por "diversificação comercial."

Investimento diversificado

Um dos problemas encarados por muitas economias menores é a ausência de investimento externo. A diversificação de investimento é uma desvantagem econômica em potencial para um programa de integração econômica regional. Investidores estrangeiros de fora da região podem encarar um país que é membro de tal acordo como um lugar menos atraente para investir devido à carga mais alta de tarifas e regulamentações. Como resultado, o tratado de integração econômica regional pode levar a uma perda de investimento estrangeiro.

Custos mais altos

Se a participação em um acordo de integração econômica regional leva a menos comércio e investimentos com mercados menos caros fora da região, enquanto encoraja mercados mais caros dentro da região, isso pode acarretar custos mais altos para os consumidores. Por exemplo, se uma empresa situou previamente sua fábrica em uma nação fora da região com custos baixos de produção, mas depois decidiu mudar a sua fábrica para um país dentro da região com custos de produção mais altos, devido às tarifas e vantagens regulatórias, isso poderia resultar em lucros maiores para a empresa, mas produtos mais caros para o consumidor.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível