O que determina a herança genética de um bebê?

Escrito por elizabeth pace | Traduzido por vanessa arnaud
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que determina a herança genética de um bebê?
A cor dos olhos de um bebê é determinada pelos genes recebidos dos pais (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Alguns traços são hereditários, o que quer dizer que podem ser passados dos pais para os filhos. Os genes, que são uma forma de informação que influencia o desenvolvimento do corpo, determinam a hereditariedade destes traços. Os genes que uma criança recebe dos pais determinam características como a cor dos cabelos, dos olhos e a estatura física.

Outras pessoas estão lendo

Genes

As células contêm cromossomos constituídos de DNA, que inclui diversos genes. Alguns genes são chamados dominantes, e outros, recessivos. Se uma criança herda um gene dominante para um determinado traço de um dos pais, e um gene recessivo para o mesmo traço do outro, apresentará a característica codificada pelo gene dominante. Portanto, se a criança herda da mãe o gene dominante para cabelos castanhos, e um gene recessivo para cabelos loiros do pai, apresentará cabelos castanhos. Algumas vezes, os genes são co-dominantes. Neste caso, nenhum dos dois se sobrepõe ao outro, então a criança apresenta uma mistura das duas características. Por exemplo, genes co-dominantes para pele clara ou escura resultam em um tom intermediário na criança.

Fecundação

O momento em que o espermatozoide fecunda o óvulo cria uma mistura de genes que determina o desenvolvimento do bebê. As células sexuais - espermatozoides e óvulos - apresentam apenas 23 cromossomos cada. Quando 23 cromossomos de um dos gametas se unem aos 23 cromossomos do outro, uma célula diploide de 46 cromossomos é formada.

Incerteza

Apesar das características dos genes dominantes serem como a descrição acima, o bebê pode herdar qualquer um dos genes que os pais possuem. Se uma mulher recebeu um gene dominante para cabelo castanho e um recessivo para cabelo loiro, seu cabelo será castanho, mas ainda carregará o gene para o cabelo loiro. Quando engravidar, se o pai do filho for um indivíduo que também carregar um gene recessivo para cabelo loiro, e acontecer de os dois transmitirem seus genes recessivos, a criança pode apresentar cabelos loiros. Este processo deixa espaço para dúvidas sobre a herança e expressão de genes, uma vez que os dois pais não possuem apenas um par de genes que será automaticamente repassado aos filhos, e sim uma grande possibilidade de combinações. Além disso, alguns traços são influenciados por uma grande quantidade de genes, então não é tão fácil prever ou entender completamente.

Exemplos

Alguns traços são bem compreendidos e facilmente identificáveis. Por exemplo, algumas pessoas possuem pelos na proximidade da articulação média dos dedos e outras não. Se você possui estes pelos, apresenta um gene dominante para este traço e o recebeu de ao menos um dos seus pais. Além disso, juntando as mãos, como em uma oração, a maior parte das pessoas cruzam o dedão esquerdo sobre o direito. Isto se deve a um gene dominante. Outros traços que funcionam da mesma forma são a cor dos olhos e a linha pontiaguda do couro cabeludo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível