Devo borrifar alecrim no meu gato para matar as pulgas?

Escrito por amy m. armstrong Google | Traduzido por gabriela vilas boas ornelas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Devo borrifar alecrim no meu gato para matar as pulgas?
Os donos devem ponderar as vantagens e desvantagens de se usar alecrim no tratamento de pulgas em gatos (cat image by nutech21 from Fotolia.com)

Ainda não há consenso se o alecrim é bom para se usar no controle de pulgas em gatos ou não. É verdade que o alecrim repele as pulgas do corpo do bichano, mas a própria planta possui algumas propriedades químicas que mostraram ter efeitos negativos na saúde felina a longo prazo, e os donos devem ponderar as vantagens e desvantagens.

Outras pessoas estão lendo

Um problema incômodo

Todas as pessoas que possuem um bicho de estimação sabem da gravidade das pulgas, pois suas mordidas causam coceira, levando os animais a se arranharem. Uma pulga fêmea pode colocar até 50 ovos por dia em um animal e, diferentemente dos ovos de outros insetos, os ovos de pulga não são grudentos e caem do animal, ficando no carpete ou nos estofados. Assim, uma casa fica infestada rapidamente, deixando os donos bastante propensos a controlar o parasita.

O alecrim é um método natural, mas é seguro?

As pulgas não gostam do cheiro do alecrim, mas as pessoas gostam. Essa é a principal razão pela qual os fabricantes de pó para controlar pulgas coloca essa planta em seus produtos. O cheiro do alecrim em pó irá repelir as pulgas, mas o resíduo do pó, que contém compostos naturais que não deveriam ser aplicados em gatos, será absorvido pelo corpo do felino. Só porque é natural não significa que é bom para todas as espécies, as próprias pulgas podem muito bem dizer isso.

Terpeno

O alecrim possui terpeno, um hidrocarboneto não saturado altamente volátil produzido por plantas, que é facilmente absorvido pela pele, e que pode ser lambido pelos gatos. Grandes quantidades de terpeno podem se acumular no fígado do gato pois, diferentemente da maioria dos mamíferos, os gatos possuem enzimas limitadas para quebrar toxinas, de acordo com o Dr. Zoran D. Jankovic, veterinário cirurgião e autor do site Natural Pest Control. Os gatos, especificamente, não possuem glicuronil transferase, que é a chave para quebrar o terpeno para que ele seja eliminado na urina e nas fezes, diz Jankovic. Isso significa que os gatos não conseguem simplesmente tirar essa substância do corpo.

Sintomas de envenenamento por terpeno

Como todos os animais são únicos, alguns gatos têm fortes reações ao alecrim, e outros não. Alguns sintomas de envenenamento incluem vômito, tontura, movimentos desajeitados e falta de apetite e energia.

Risco contra benefício

A decisão é do dono do bichano. Devido ao grande número de medidas efetivas de controle de pulgas disponíveis por veterinários respeitáveis, o uso de alecrim parece não muito seguro. Uma vez que os efeitos de envenenamento por alecrim se manifestem, o dano já pode ser irreversível.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível