Dez razões para amar um Maltês

Escrito por rena sherwood | Traduzido por bruna biagioli
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dez razões para amar um Maltês
Há muitas razões para amar um cão Maltês (Ryan McVay/Lifesize/Getty Images)

O Maltês é uma raça antiga de cão totalmente branco de pelos longos que se originou na ilha de Malta. Ele comanda uma base de fãs leais de criadores, proprietários e equipes de resgate na Europa e América do Norte. Os proprietários dessa raça nas ilhas Gregas constroem túmulos para seus amáveis companheiros, de acordo com o “The Howell Book of Dogs” (O livro Howell de Cães). Os donos concordariam que exitem mais de dez razões para se amar um Maltês.

Outras pessoas estão lendo

Tamanho pequeno

Os Malteses são portáteis, sem ser muito frágeis. Embora o padrão da raça peça que eles tenham de dois a três quilos, o “ASPCA Complete Guide to Dogs” (Guia Completo de Cães ASPCA) observa que eles podem pesar até três quilos e meio. Isso faz com que a raça viva bem em apartamentos, trailers ou em outras casas pequenas .

Menos necessidade de exercícios

Embora os cães Malteses ainda precisem de uma rápida caminhada diária e um jogo por dia, como buscar e trazer, eles não exigem exercícios maiores como raças de cães criadas para rebanho de gado, caça ou puxar trenós. Os Malteses foram criados como companheiros de casa, afirma o livro “The Howell Book of Dogs" (O Livro Howell de Cães).

Grande inteligência

Os Malteses aprendem truques e comandos básicos rapidamente se treinados com o reforço positivo. A raça gosta de agradar as pessoas, o que a torna mais atenta aos comandos delas.

Bons com gatos

Diferente de muitas outras raças de cães, os Malteses podem viver com gatos, especialmente se forem acostumados desde filhotes. Eles podem perseguir gatos, mas não são propensos a prejudicá-los, de acordo com o livro "Maltês".

Bons cães de guarda

Apesar de seu pequeno tamanho, o Maltês é um grande cão de guarda, de acordo com o “ASPCA Complete Guide to Dogs” (Guia Completo de Cães ASPCA). Eles avisam sem medo seus donos sobre qualquer estranho com um alto e forte latido.

Sempre na moda

O Maltês tem sido uma raça da moda há séculos. De acordo com o American Kennel Club (Clube Canino Americano), os Malteses são vendidos pelo equivalente a R$ 4.000,00 desde 1500. Mas muitos de raça pura e mestiços podem ser adotados por muito menos dinheiro em abrigos de animais.

Bons com crianças

A ludicidade natural do Maltês o torna um grande companheiro para crianças tranquilas e suaves maiores de oito anos, de acordo com o “ASPCA Complete Guide to Dogs” (Guia Completo de Cães ASPCA). No entanto, em geral, cães e crianças não devem ser deixados sem vigilância.

Tamanho normal de focinho

Ao contrário de raças braquicefálicas ou de face plana como o Bulldog, Pug e Pequinês, o Maltês tem o comprimento do focinho proporcional ao seu corpo. Ele é livre de problemas de saúde e respiratórios que afligem raças braquicefálicas.

Expectativa de vida

O Maltês tende a viver mais do que outras raças maiores de cães, chegando a viver de 13 a 15 anos. Compare com o Lébrel Irlandês, que vive apenas de 6 a 8 anos, de acordo com o “The Howell Book of Dogs" (O Livro Howell de Cães).

Aquela carinha

Como uma das mais antigas raças de cães pequenos do mundo, o Maltês certamente lembra brinquedos com seu rosto branco ou branco-prateado, olhos brilhantes e narizes castanhos . Embora cães de demonstrações precisem ostentar longos pelos que cobrem o rosto, os proprietários de Maltês podem prender os pelos dos seus cães para que não cubram aquele notável rostinho.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível