Dez regras do vôlei

Escrito por fábio nascimento
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dez regras do vôlei
Vôlei é um esporte muito popular em todo o mundo (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Criado em 1895 nos Estados Unidos, o voleibol (ou simplesmente vôlei) é um dos esportes mais praticados do mundo. Nos clubes, nas quadras poliesportivas públicas ou mesmo nas ruas, milhões de pessoas em vários países competem ou se divertem com essa prática. No Brasil, só perde para o futebol em popularidade. Você quer entrar também na lista de amantes do vôlei? Então, conheça melhor suas regras, reúna os amigos e aproveite.

Outras pessoas estão lendo

Local do jogo

A quadra é sempre retangular e simétrica. As dimensões oficiais são 18 metros de comprimento por nove de largura. Essa área deve ser circundada por uma zona livre, com pelo menos três metros por lado, e uma área sem obstáculos, medindo pelo menos sete metros a partir da quadra. A superfície deve ser totalmente plana e horizontal em locais fechados. Nos recintos abertos, é permitida inclinação de cinco milímetros por metro, para facilitar a drenagem.

Rede e antenas

A rede é colocada exatamente sobre a linha central que divide a quadra. A fita superior deve estar a 2,43 metros do solo (jogos masculinos) e 2,24 metros (femininos). Deve possuir um metro de altura e comprimento de 9,5 a dez metros. As antenas terão 1,8 metro de comprimento e dez milímetros de diâmetro. Colocadas em lados externos da rede, delimitam o local de onde é possível fazer a bola cruzar a outra metade da quadra.

Jogadores

Um time deve ser composto por até 12 jogadores, sendo que apenas seis devem estar na quadra ao mesmo tempo. Quase todos os atletas podem realizar normalmente todos os fundamentos da partida, como o saque, o ataque, a recepção, o levantamento e o bloqueio. A exceção é o líbero, que não pode sacar, bloquear ou mesmo atacar, sendo apenas um jogador de defesa. A cor de seu uniforme deve ser diferente da de seus companheiros.

Fundamentos

Os principais fundamentos são: o saque, em que o atleta inicia jogada lançando a bola para a outra metade da quadra; a recepção, em que se defende o ataque; o passe, realizado entre atletas da mesma equipe; o levantamento, em que o levantador prepara o contragolpe; o ataque propriamente dito, com o golpe contra a bola para que ela caia na quadra adversária; e o bloqueio, em que os jogadores tentam impedir que o ataque seja concluído.

O jogo

O jogo consiste na marcação de pontos, que ocorrem toda vez que uma equipe consegue jogar a bola ao chão, no outro lado da quadra. Um time pode dar no máximo três toques seguidos (não está incluído o bloqueio), sendo que nenhum atleta pode tocar nela duas vezes seguidas. Caso uma agremiação não consiga lançar a bola para além da rede em três lances, o adversário também soma ponto. Um ponto direto do saque é válido.

Divisão em sets

Uma partida é dividida em sets, que terminam quando um time alcança 25 pontos. Caso haja empate em 24, vencerá aquele que somar dois de diferença (como por exemplo 26 a 24, 27 a 25 ou 28 a 26). Quem conquistar três sets vence o jogo. Se for preciso uma quinta rodada, o vencedor será o que obtiver 15 pontos, também respeitando a regra de, ao menos, dois de diferença, como 17 a 15, por exemplo.

Posicionamento

Os seis jogadores devem obedecer a uma ordem de posicionamento e só devem deixar sua posição depois que o saque é realizado. São três jogadores na frente, ocupando as posições 4 (frente-esquerda), 3 (frente-central) e 2 (frente-direita). Atrás, também há três atletas, nas posições 5 (traseira-esquerda), 6 (traseira-central) e 1 (traseira-direita). Quando o time que recebe a bola marca um ponto e ganha direito ao saque, a equipe muda os jogadores de posição, no sentido horário.

Intervalos e troca de quadra

O intervalo entre um set e outro tem duração de três minutos. Nesse período, as duas equipes que disputam a partida devem trocar de quadra. Entre o segundo e o terceiro sets, o tempo de espera pode passar a até dez minutos, de acordo com a decisão dos organizadores. Se houver a necessidade de realização do quinto set, haverá troca de quadra quando o time que estiver na frente marcar oito pontos, sem nenhum intervalo.

Pedidos de tempo

Antes do início de uma nova jogada, os técnicos das equipes podem pedir a interrupção do jogo para conversar com os jogadores por 30 segundos. Cada equipe pode solicitar duas paralisações por set. No entanto, entre o 1º e o 4º set, existem ainda os “tempos técnicos": duas paradas adicionais, com duração de 60 segundos cada um. Elas ocorrem quando a equipe que estiver na frente do placar chegar ao 8º e o 16º pontos.

Substituições

Cada equipe poderá realizar até seis substituições por set. Um atleta que tenha integrado a formação inicial de uma equipe pode retornar ao jogo após ser substituído. No entanto, ele pode voltar apenas uma vez por set. Um suplente pode entrar no jogo apenas uma vez por set e só poderá ser substituído pelo mesmo titular do qual ocupou a vaga. A troca de um líbero por outro jogador pode ser feita sem limites durante o jogo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível