Diabetes felina e a frutosamina

Escrito por lori gordon | Traduzido por mariana munhoz
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diabetes felina e a frutosamina
A diabetes felina afeta um em cada quatrocentos gatos (cats image by vb_photo from Fotolia.com)

A diabetes mellitus felina é uma doença em que o metabolismo do gato não consegue regular a quantidade de açúcar apropriada no sangue. A condição afeta um em cada 400 gatos. O diagnóstico da doença requer exames de sangue para checar o nível de glicose presente. Diversos fatores podem influenciar a quantidade de glicose no sangue, incluindo estresse e doenças, então um teste de glicose com uma única gota de sangue pode ser enganoso. Outro exame que pode ser útil para o diagnóstico de diabetes é o que mede o nível de frutosamina. Esse teste pode ser mais preciso do que um que meça somente o açúcar no sangue.

Outras pessoas estão lendo

O que é a frutosamina?

Frutosamina é um complexo de açúcar e albumina (proteína) que se forma quando a taxa de glicose no sangue fica alta por longos períodos de tempo. Uma alta concentração de frutosamina no sangue de um gato significa um nível alto de glicose e é uma indicação forte da diabetes mellitus.

Diabetes felina e a frutosamina
Alta concentração de frutosamina significa um nível alto de glicose (House Cat image by phizics from Fotolia.com)

Exame de frutosamina para diagnosticar diabetes

Quando existe a suspeita de diabetes mellitus em um gato, o veterinário irá fazer um exame de urina e dos químicos no sangue. Os níveis de glicose na urina e no sangue pode se elevar temporariamente por conta de diversos fatores, incluindo estresse e doenças. Até mesmo a ida ao veterinário para tirar o sangue pode aumentar os níveis de glicose de seu gato. Os níveis de frutosamina medem os efeitos da glicose alta por um longo período, de pelo menos duas ou três semanas. Checar a concentração da frutosamina e adição aos teste de glicose na urina e no sangue podem ajudar a diferenciar entre uma hiperglicemia (alta concentração de açúcar no sangue) temporária e diabetes de verdade.

Diabetes felina e a frutosamina
Doenças sistemáticas e estresse podem afetar os níveis de glicose no sangue (Ginger cat sleeping image by Edijs Palens from Fotolia.com)

Exame de frutosamina no controle da diabetes

Os níveis de frutosamina podem ser acompanhados junto com as curvas de glicose ou sozinhos para avaliar o quão bem a diabetes do seu gato está sendo controlada com o uso da insulina. Um teste único de glicose irá mostrar os níveis no sangue naquele momento -- que, como já vimos, podem ser influenciados pelo estresse, pelo tempo desde a última refeição do gato etc. A amostra de longo termo que a concentração de frutosamina oferece ao veterinário mais informações sobre como o tratamento com insulina está funcionando em período de tempo mais longo, especialmente se analisado juntamente com curvas de glicose e os sintomas físicos. Gatos que apresentam um bom controle da diabetes pode ter seus níveis de frutosamina checados a cada seis meses.

Valores normais

A concentração de frutosamina é medida em micromol/l (µmol/L). De acordo com o site Schering Plough Animal Health, um gato normal não-diabético apresenta valores de frutosamina entre 190-365 µmol/L. Um gato arrecém diagnosticado teria valores de 350-730 µmol/L. Um gato com a diabetes controlada deve apresenta valores inferiores a 400 µmol/L. Qualquer valor acima de 500 µmol/L significa que a diabetes de seu gato não está sendo controlada pela insulina.

Diabetes felina e a frutosamina
Uma diabetes bem controlada resultará em níveis de frutosamina abaixo de 400 µmol/L (cat playing with mouse toy image by Marzanna Syncerz from Fotolia.com)

Desvantagens do uso dos níveus de frutosamina

Se seu veterinário está preocupado com elevações do açúcar no sangue em períodos curtos de tempo, a concentração de frutosamina não irá ajudar. O hipertireoidismo também pode afetar os níveis de concentração de frutosamina porque os hormônios da tireoide causam a elevação de proteínas no sangue do gato. Esses gatos podem parecer ter uma concentração baixa de frutosamina mesmo que a quantidade de proteínas esteja normal. Ainda, outras condições, como desidratação, podem afetar a concentração de proteínas no sangue e afetar os resultados do exame de frutosamina.

Diabetes felina e a frutosamina
Desidratação pode afetar os níveis de frutosamina (cat image by Zbigniew Nowak from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível