Diagnóstico de linfadenite mesentérica

Escrito por dee davies | Traduzido por lucas schiavo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diagnóstico de linfadenite mesentérica
A linfadenite ataca geralmente crianças e adolescentes (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Linfadenite mesentérica é uma condição na qual os linfonodos da membrana mesentérica, os quais conectam o intestino à parece abdominal, inflamam-se, às vezes é confundida por apendicite devida a dor envolvida e a febre que ocorre. Ocorre mais comumente em crianças e adolescentes do que em adultos, além de ser diagnosticada mais em garotos do que garotas.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas

Indivíduos sofrendo de linfadenite mesentérica sentem dor na parte inferior do abdômen, geralmente no lado direito, ele terá uma febre de média a alta, com sensação de mal estar; náusea, vômito e diarreia também podem ocorrer. A linfadenite mesentérica às vezes ocorrer sem os sintomas e a descoberta da condição acontece após testes para outras doenças.

Causas

A linfadenite mesentérica resulta mais de um episódio de gastroenterite do que de qualquer outra fonte de infecção. Alguns alimentos e bebidas também estão ligados a essa condição. Produtos suínos mal passados podem levar a linfadenite e, quando acontece por esses meios, os sintomas são geralmente mais severos. Beber leite não pasteurizado ou água contaminada também pode levar à condição. Se causada por uma infecção bacteriana séria, sepsia pode resultar da infecção se espalhando pela corrente sanguínea.

Diagnóstico

Exames de sangue são o modo mais comum de diagnosticar a linfadenite mesentérica. Algumas vezes, uma tomografia ou ultrassom serão feitos para verificar se é realmente linfadenite e não apendicite o que está causando a dor abdominal. Inquéritos são feitos sobre doenças recentes e hábitos alimentares.

Período de tempo

A linfadenite mesentérica geralmente termina depois de dias ou semanas, dependendo da severidade e da causa da condição. Se for por causa de uma infecção bacteriana, levará, pelo menos, algumas semanas e, possivelmente, outras visitas ao médico.

Tratamento

Infecções bacterianas moderadas a severas, resultando em linfadenite mesentérica, são tratadas com antibióticos. Entretanto, a maioria dos casos podem ser tratados com remédios sem receita para dor, náusea, vômito e diarreia. O indivíduo doente precisará de muito descanso, líquidos e alimentos leves para evitar novas perturbações do sistema gastrointestinal. Como em muitas doenças, os indivíduos correm o risco de ficarem desidratados devido a incapacidade de reter fluídos. Calor úmido aplicado às regiões abdominais podem trazer alívio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível