Dicas para brincos masculinos

Escrito por gryphon adams | Traduzido por débora cussiol
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dicas para brincos masculinos
Brinco (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Brincos masculinos servem para ornamentação e autoexpressão. Ao longo da história, homens de muitas culturas têm usado brincos como adorno. Entre alguns povos, como os Canelas da América do Sul, furar a orelha tornou-se um rito de passagem para os meninos. As orelhas furadas e os grandes alargadores simbolizavam que estes homens estavam abertos à sabedoria dos mais velhos e sua atratividade para o sexo feminino. Na cultura americana contemporânea, os brincos masculinos podem indicar afiliações sociais, rebeldia ou estilo.

Outras pessoas estão lendo

Clássico

O modelo clássico para brincos masculinos é aquele que tem apenas uma pedra no lóbulo da orelha. Considere-o (também chamado de tachinha) se quiser adotar um visual mais básico. Este tipo brinco atravessa a orelha e é preso na parte de trás. As opções incluem brincos de metal em prata, ouro, ouro branco ou platina, uma tachinha de diamante ou um ônix. Os homens também podem usar uma única argola, pequena e simples, como um brinco clássico na maioria dos ambientes. Andreas Kokkino, colunista de moda masculina da revista New York Times Style, afirma que os brincos para homens estão de volta, mencionando sua aparição nos desfiles de moda e nomeando alguns estilistas masculinos que os usam. A velha regra do "esquerda para hétero" e "direita para gay" parece ter sido deixada para trás na moda contemporânea.

Dicas para brincos masculinos
Brinco (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Elegante

Segundo o site Men's Health um brinco elegante não irá causar problemas no escritório, mas se você quiser chamar atenção, terá que deixar isto para depois do expediente. Em uma entrevista ou em um novo emprego, respeite as imposições do ambiente, deixando a autoexpressão de lado neste momento. Alguns empregos oferecem mais liberdade para o estilo masculino do que outros, porém descobrir seus limites pode levar algum tempo. Logo no início, use peças simples para evitar atenções exageradas. É preferível que os empregadores, colegas de trabalho e clientes concentrem-se em seu trabalho e personalidade, ao invés de seus acessórios.

Opte por usar apenas um brinco na maioria das situações profissionais. Um brinco elegante pode incorporar uma pequena joia, como uma pedra de signo, um rubi, uma safira ou uma esmeralda; ou pedras semipreciosas, como jades, olhos de tigre, turquesas ou madrepérolas. Uma única argola, de pequena a média, em prata ou ouro são ótimas para algumas situações profissionais. Alguns homens usam brincos em pares ou mais, tais como três em uma orelha e um na outra, em baladas ou outros eventos.

Dicas para brincos masculinos
Brinco (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Limites

Brincos masculinos grandes e incomuns vieram da moda dos piercings que se desenvolveu na América na década de 1970. Esses piercings podem esticar o lóbulo da orelha, usando objetos como alargadores, que estendem a pele. Às vezes, esses ornamentos vêm em pares, imitando uma presa em cada orelha, ou em múltiplos, tais como argolas ou tachas decorando o lobo e todo o comprimento da orelha. Essas práticas podem representar góticos, a subcultura "leather", entre outros, embora alguns usuários apenas apreciem o visual. Homens que usam este estilo escolhem alargadores grandes, anéis isolantes, ossos, spikes e alargadores feitos de metais mais grossos, brincos tipo ferradura, argolas simples ou com contas. Alguns optam por enfeites personalizados, muitas vezes feitos de aço cirúrgico, ouro ou prata. A aceitação desses visuais varia de acordo com o lugar e sua ocupação.

Dicas para brincos masculinos
Brincos (Ryan McVay/Stockbyte/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível