Mais
×

Dicas para ir bem em um concurso público

Digital Vision./Digital Vision/Getty Images

Introdução

A trajetória dos concurseiros rumo ao estrelato (lê-se cargos públicos) é bastante conhecida e muito bem contada por inúmeros livros, como o popular “Memórias severinas de um funcionário público”, de Higino do Vale Carvalheira. No entanto, há inúmeras outras histórias e questões amplas que ajudam a narrar o cotidiano de quem se aventura pelos processos seletivos públicos e almeja seu lugar ao sol no serviço público. No meio de tantas questões, algumas dicas sobre como manter o foco, se motivar para continuar estudando e encarar a concorrência são de fundamental importância. Tudo em nome de salários polpudos e a sonhada estabilidade financeira. Se você também deseja chegar lá, veja a seguir algumas dicas que podem ajudá-lo a alcançar sua vaga no poder público.

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Sua motivação. Seu sucesso

Acredite, motivação não é apenas uma palavra usada e abusada por palestrantes de autoajuda. É ativo de valor para quem estuda para concursos públicos. Se você ainda não tem uma motivação, está na hora de adotar uma. Vale se apegar a tudo: um sonho a ser realizado, a compra de uma casa nova, uma religião ou o desejo de estabilidade financeira.

Jupiterimages/BananaStock/Getty Images

Foco: "Motivo para agir"

O que é foco para você? O que o motiva a conquistar seu posto no serviço público? Apenas vontade de passar na prova não basta. Para manter a vontade, não perca o foco, lembrando sempre dos motivos que o levaram a escolher a carreira pública. Se você deseja passar no concurso para um banco público, por exemplo, escreva em um papel todos os motivos que o levaram a optar por esse posto e o coloque próximo ao seu local de estudos. Entre os motivos, vale destacar o salário, a carga horária e os benefícios do trabalho.

Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images

Português faz toda diferença

O português é tema dos mais importantes nas provas para concurso público. Não basta saber qual é a acentuação correta de determinada palavra, mas sim o porquê de ser acentuada. O mesmo vale para a concordância verbal e nominal. A dica é tornar a gramática sua parceira fiel. E lembre-se: em concursos concorridos, é preciso ir além.

Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images

Redação: A internet pode atrapalhar

Não se acostume à correção ortográfica de textos do computador e nem ao padrão abreviado de escrita dos chats da internet. Na hora da redação, ambos têm prejudicado os candidatos. Muitos se esquecem das regras de ortografia e acentuação e cometem erros simples de escrita. Portanto, que tal exercitar sua escrita em um caderno? Escreva redações atentando à estrutura, objetividade, clareza e utilização de uma linguagem que facilite a escrita.

Comstock/Comstock/Getty Images

Conteúdo de concursos já realizados

Especialistas em concursos públicos indicam: vale, e muito, o estudo e a resolução de questões de concursos já realizados. A importância de recorrer ao conteúdo de processos seletivos anteriores triplica quando o processo que você está prestando possui temas semelhantes. Portanto, estude questões de provas anteriores, assim como o conteúdo que já foi pedido em outros concursos.

Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images

Atualidade: Você por dentro de tudo

Jornais, revistas, sites de notícias e redes sociais. Vale recorrer a tudo na hora de se atualizar sobre os acontecimentos que viraram notícia ao longo do ano e se preparar para as provas de concurso. Além de entrarem nas questões das provas, os assuntos que repercutiram em algum momento nesses meios são temas habituais nas redações. Portanto, a dica é: comece desde já a ler o noticiário. Eles podem representar seu acesso ao serviço público.

Photodisc/Photodisc/Getty Images

Vá além dos livros

Estudar não quer dizer apenas ficar trancado por horas e horas em um escritório ou mesmo no seu quarto e ler vários livros. Converse com profissionais da área para a qual você estuda. Em matérias voltadas ao setor jurídico, por exemplo, um profissional experiente pode fazer mais do que apenas indicar-lhe livros; ele pode ser fonte de importante aprendizado.

Siri Stafford/Digital Vision/Getty Images

Mantenha um hobbie

Aproveitar o tempo para estudar é bom, mas reservar alguns minutos ou horas do seu tempo para atividades de esporte ou lazer é de suma importância. Sim, haverá uma mudança na sua rotina, como ir a menos festas e poucas viagens, mas reserve um tempo para caminhar no parque ou ir à academia. Atividades para exercitar o corpo podem deixar sua rotina de estudos mais tranquila e agradável.

George Doyle/Stockbyte/Getty Images

Sua mente também cansa

Cada candidato a concurso público tem uma capacidade de estudo distinta. Isso todo mundo já sabe. Mas o que ninguém sabe é até onde se deve ir em nome do aprendizado. Existem momentos onde o candidato estuda a matéria e não consegue aprender o seu conteúdo. Em momentos assim, relaxe, busque outras atividades, descanse sua mente e quando se sentir melhor, volte aos estudos.