×
Loading ...

Dicas para costurar com uma linha de bordado metálica

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

As linhas metálicas são mais frágeis que as linhas comuns de lã e algodão, mas sua aparência única as tornam desejáveis para dar tons e detalhes em muitos desenhos de roupas e outros itens de tecido. Assim, trabalhar com fios metálicos exige técnicas melhores e mais cuidados intensivos. Particularmente são as mudanças exigidas em agulhas, tensões, velocidade e técnica. Ao aplicar essas dicas, trabalhar com os fios metálicos fica bem mais fácil, menos frustrante e mais lucrativo também.

Existem definições especiais que você precisa configurar na sua máquina de costura de acordo com diferentes materiais e linhas (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Mudando as agulhas

As agulhas padrão que vêm com máquinas de costura raramente são adequadas para o uso de fios metálicos. Como resultado, quando você usa essas agulhas, as linhas metálicas se quebram ou saltam pontos. Para combater esse problema, a solução imediata é mudar a agulha da máquina de costura. Existem muitos tipos de agulhas especialmente desenvolvidos para fios metálicos, e variam de acordo com sua aplicabilidade para diferentes graus de panos. As características de uma agulha feita especificamente para as linhas metálicas são os buracos alongados, as pontas afiadas e o uso para produzir peças especiais. Essas agulhas estão amplamente disponíveis.

Loading...

Ajustando a tensão

Devido à sua fragilidade relativa, as linhas metálicas tendem a quebrar com mais frequência. A rigidez do fio também pode fazer com que grandes quantidades de linha saiam do carretel mais rápido do que seu uso. Isso pode ser remediado ao ajustar a tensão da linha. Um método, quando você estiver trabalhando com carretéis e cones, é inserir um pequeno pedaço de espuma na área do gancho superior; isso acrescenta um pouco de tensão e diminui a possibilidade da linha torcer. Uma abordagem mais padronizada envolve usar pedaços de pano como teste. Costure usando esses pedaços; se a linha quebrar facilmente, reduza a tensão ao ajustar o botão de controle. Um método alternativo é usar lubrificantes na linha, mas isso é desencorajado se sua máquina usar discos de tensão plásticos ou de borracha.

Diminuindo a velocidade

Quando trabalhar com uma linha metálica, uma taxa mais baixa de velocidade é exigida. A rigidez e fragilidade da linha podem fazer com que pontos sejam pulados e o fio se quebre mais facilmente quando a costura é rápida, então um ritmo moderado ou deliberado pode aliviar esses problemas. Costura em alta velocidade aumenta a tensão e a fricção, o que pode fazer com que a linha saia do carretel ou do cone e se torça. Quando a linha se torce, isso não só degrada o resultado dos pontos, mas também aumenta a probabilidade do fio se quebrar. Se você for uma iniciante ao usar a linha metálica, encontrar um ritmo que equilibre velocidade e qualidade vai exigir prática e observação cuidadosa.

Adaptando as técnicas

O uso da linha metálica também pode garantir uma seleção mais cuidadosa de padrões e desenhos. Ela é geralmente mais espessa que as linhas normais de algodão, então os pontos sobrepostos não são recomendados para evitar a deformação do tecido. Adicionar detalhes com linha metálica em tecidos elásticos também não é recomendado. Ao comprar esse tipo de fio, é considerada uma prática melhor comprar os de alta qualidade ao invés das opções mais baratas. Uma dica é procurar por produtos com núcleos de náilon que sejam "enrolados" ao invés de "torcidos", pois estes são mais fortes e um pouco mais elásticos.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...