Dicas para girar baqueta

Escrito por matthew anderson | Traduzido por ronaldo pruss
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dicas para girar baqueta
Baquetas de bateria (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

O balanço da baqueta apresenta uma emoção visual extra na performance do baterista. Diferente do giro, o balanço ( falso giro entre os dedos) é feito mais prontamente enquanto se toca. A pegada real usada pra fazer o balanço dá controle suficiente sobre a baqueta que está sendo usada. Ao invés de realmente girar, o balanço faz um movimento em arco criando o mesmo efeito visual.

Outras pessoas estão lendo

A técnica da mão

O balanço é executado praticamente usando a mesma pegada padrão (técnica) usada para tocar com a baqueta. Para a mão ficar na posição certa, o dedo indicador se move para o lado oposto da baqueta, que fica entre os dedos indicador e médio. A pegada tem que ser frouxa o suficiente para a baqueta se mover em arco. Se deixar a baqueta solta demais ela cairá da mão do baterista. Leva algum tempo para saber a sensação certa para deixar a baqueta balançar corretamente sem cair.

Dicas para girar baqueta
Técnica de caixa (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Executando o giro

O balanço (falso giro) começa com a palma da mão para baixo com a baqueta entre os dedos indicador e médio. Inicialmente, baqueta e mão estão em movimento nessa posição. Quando a palma estiver para cima, os dedos balançam a baqueta em movimentos de arco, então a mão roda no sentido oposto para voltar à posição original. Os outros dedos ajudam a manter o movimento de balanço da baqueta. Este balanço aproveita o ímpeto de movimento da baqueta, e não dos dedos. Pratique primeiramente devagar até desenvolver bem o controle. Praticar muito devagar é mais difícil, pois não há o ímpeto da baqueta que é fundamental. O objetivo é aproveitar o ímpeto da baqueta juntamente com a velocidade apropriada para completar o balanço.

Dicas para girar baqueta
Pegada regular (grip) (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Girando a baqueta

A pegada na baqueta usada no giro (balanço) dá controle suficiente para o baterista tocar sem mudar para a pegada regular. Execuções muito rápidas e complexas dificultam combinar toques e giros. Partes mais simples com toques em tempos longos permitem o giro entre eles, uma vez que o baterista esteja familiarizado com eles.

Dicas para girar baqueta
Baterista em performance (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível