Dicas de malhação no elíptico

Escrito por bonnie conrad | Traduzido por fernanda de assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dicas de malhação no elíptico
O elíptico fornece um exercício total do corpo, o que permite queimar mais calorias (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Se você está tentando perder peso e entrar em forma, um aparelho elíptico pode ser um excelente investimento. Ao contrário de esteiras, bicicletas ergométricas e outros aparelhos de ginástica, aparelhos elípticos são projetados para fornecer um exercício total do corpo, o que permite queimar mais calorias e alcançar os resultados buscados mais rapidamente. No entanto, para obter o máximo do seu aparelho elíptico, é preciso saber como usá-lo corretamente.

Outras pessoas estão lendo

Faça cross-training com o elíptico

Muitas das principais marcas de aparelhos elípticos vêm com guidões que são projetados para oferecer uma opção de treino da parte superior do corpo enquanto se tonifica as panturrilhas e coxas. Se o seu aparelho elíptico for equipado com o guidão de cross-training, certifique-se de usá-los para dar a seus bíceps e tríceps um bom treino. Usar o guidão de cross-training também serve para treinar aos ombros e costas, tornando o aparelho elíptico um excelente substituto para o levantamento de pesos. Pode-se variar o treino, ajustando a tensão do guidão para ser mais ou menos intensa e, ao aumentar a resistência do guidão é possível conseguir ótimos resultados para os braços ao mesmo tempo em que se exercitam as pernas. Usar os guidões do elíptico é também uma excelente forma de simular o exercício completo do esqui cross-country.

Potencializando os efeitos

Se o principal objetivo de seu treino elíptico for malhar as pernas, músculos abdominais e a parte inferior do corpo, é possível melhorar o treino deixando as mãos livres e usando apenas a parte inferior do corpo para operá-lo. Deixar de lado o guidão e usar apenas as pernas para mover os pedais aumentará a intensidade do treino e ajudar a desenvolver os músculos das panturrilhas, coxas, abdômen e nádegas.

Uma das melhores maneiras de mudar a rotina de exercícios e melhorar a eficácia do treino é ajustar a tensão dos pedais. A maioria dos elípticos possui controles simples para ajustar a tensão, o que torna ainda mais fácil variar o treino e continuar a se desafiar. Se o seu elíptico tiver um monitor de frequência cardíaca digital, pode-se ajustar a tensão no início do treino para chegar à sua meta de frequência cardíaca mais rapidamente.

Varie a rotina de exercícios

Muitas pessoas começam uma rotina de exercícios com a melhor das intenções, apenas para abandoná-la depois de alguns meses. Um dos maiores impulsionadores desta alta taxa de abandono é o tédio — se você ficar entediado com a rotina de treino, será menos propenso a mantê-la a longo prazo, e uma das melhores maneiras de combater o tédio é variar o treino tanto quanto possível. Um dia, use apenas os pedais do elíptico, fazendo com que suas pernas trabalhem hora extra e desenvolvendo os músculos da parte inferior do corpo. No dia seguinte, se concentre no treino da parte superior do corpo e depois faça um para o corpo todo. Pode-se também variar o tempo e a intensidade do treino, indo de um treino curto e extenuante para um longo e leve — variar a rotina de exercícios ajuda a obter o resultado máximo do elíptico e dos exercícios.

Se o seu modelo de elíptico não veio com guidão, ainda é possível usá-lo para treinar a parte superior do corpo. Basta comprar um bom conjunto de pesos de mão e usar esses pesos para exercitar os bíceps e tríceps. Há muitos pesos de mão excelentes no mercado, e esses pesos livres proporcionam uma excelente contrapartida para o treino inferior do corpo fornecido pelos pedais do elíptico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível