Dicas para mixar voz em um home studio

Escrito por scott shpak | Traduzido por francismar leonardo dos santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dicas para mixar voz em um home studio
Microfones condensadores grandes tiveram os preços drásticamente reduzidos (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Captar um vocal ressoante em um home studio é possível, dada a qualidade e a acessibilidade de equipamentos de gravação contemporâneos. Fazer aquela voz brilhar quando a mixagem está terminada é trabalhoso mesmo em estúdios profissionais. A maneira como um cantor faz os cortes durante as faixas começa antes mesmo da gravação, e a atenção aos detalhes ao longo do caminho contribuirá para uma mixagem suave.

Seleção de microfones

Home studios, por sua natureza, tendem a ter recursos limitados. Não é incomum ter um microfone para todos os fins. Vocais que realmente se destacam tendem a ser gravados com microfones condensadores grandes, e este tipo deve ser sua primeira escolha. Cada marca e modelo tem um som particular. Nenhum microfone é o melhor para todas as vozes, por isso, se você tiver a opção, tente vários, independente do tipo. Deixe seus ouvidos orientarem você.

Dicas para mixar voz em um home studio
O uso de um filtro pop impedirá que sons fortes e plosivos estraguem a execução da música (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Gravação do vocal

É sempre uma boa prática gravar os vocais com pouca ou nenhuma equalização, compressão ou outro processamento. Ajuste o microfone e o cantor. Guarde outras mudanças sonoras para depois da gravação. Um vocalista experiente irá usar técnicas para controlar seu nível de voz, e um cantor novato pode precisar que o engenheiro de som diminua e aumente o volume do microfone, para evitar que a gravação fique muito forte ou muito suave. A única exceção é para o corte das baixas frequências, de 80 hertz para baixo. Isto irá reduzir ruídos de baixa frequência que podem ser captados pelo pedestal do microfone. Muitos mixers têm filtros Lo Cut para esta finalidade.

Controlando ruídos do ambiente

Home studios são muitas vezes colocados em salas com superfícies paralelas que apresentam acústica comprometida. Muitos ruídos do ambiente refletidos no microfone no momento da gravação são difíceis de mascarar. Improvisar uma cabine de isolamento é uma boa ideia. Um cobertor pendurado sobre um pedestal de microfone adicional em forma de "T" colocado atrás do microfone irá absorver a energia do som. O som vocal será mais íntimo e seco. A reverberação pode ser adicionada mais tarde, se for necessária.

Equalização

Em primeiro lugar, ouça frequências que podem ser cortadas, talvez sons nasais ou sons excessivos de "ss". Experimente primeiro remover frequências ao invés de adicioná-las, com ajustes de equalização. Impulsionar uma banda de um equalizador também aumenta o ruído, então os cortes são preferíveis. Em segundo lugar, avalie como o vocal se ajusta com o resto dos instrumentos. Se, por exemplo, uma guitarra está em atrito com o vocal, identificar e cortar as frequências inadequadas apenas na faixa da guitarra pode interromper o atrito.

Compressão

A maioria dos vocais tem algum grau de compressão para condensar a sua área de registro de frequências. Isso, por sua vez, pode dar certo destaque, fazendo com que o vocal seja mais exposto. Quantidades moderadas de compressão são geralmente preferidas, a menos que um efeito especial seja pretendido. Mantenha as taxas de compressão baixas, os tempos de ataque moderados e os tempos de release longos para minimizar os efeitos da compressão. O compressor pode ter um efeito sobre a equalização. Avalie novamente a equalização e ajuste ainda mais, se necessário.

Reverberação

O uso da reverberação é subjetivo. Gostos mudam, e o seu gosto será o seu guia. Tente ouvir o seu vocal objetivamente para decidir se há uma razão sonora para adicionar a reverberação. Talvez seu vocal soe muito bem, mas seja demasiadamente forte diante dos demais instrumentos, e a redução do nível pode enterrá-lo. Experimente um pouco de reverberação para "encaixar" o cantor de volta à banda. A reverberação dá uma sensação de distância ao ouvido humano.

Gravação em duas pistas

A maneira tradicional de dar volume a um vocal e cobrir as falhas é fazer o cantor executar o mesmo vocal duas vezes. As faixas são reproduzidas simultaneamente. A gravação artificial em duas pistas ("ADT", sigla em inglês para "Artificial Double Tracking") é um efeito de tempo e tom comum em muitos dispositivos de processamento de áudio. Ele pode ser usado para criar um efeito semelhante sem que o cantor precise cantar novamente.

Balanço

Normalmente vocais são balanceados para o centro, mas não há nenhuma lei para isso. Tente deslocar o vocal para o centro, mas equilibre a reverberação mais para um lado ou para o outro. Faixas de vocais duplos podem ser balanceadas para cada lado em relação ao centro. Da mesma forma, o balanceamento de instrumentos pode ser apenas o passo necessário para abrir espaço para os vocais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível