Dieta para Golden Retriever

Escrito por contributing writer | Traduzido por julio vizo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dieta para Golden Retriever
Uma dieta de alta qualidade pode ajudar a garantir um relacionamento longo e agradável com o seu Golden (Digital Vision./Photodisc/Getty Images)

A alimentação de qualidade pode melhorar a saúde do seu Golden Retriever e ajudá-lo a viver uma vida mais longa. Fornecer a quantidade certa é crucial, pois a obesidade e o rápido crescimento podem provocar displasia de quadril, um problema frequente nesta raça. A ração comercial pode ser combinada com alimentos frescos para garantir que ele seja alimentado com uma dieta completa e nutritiva, e que nunca se tornará monótona. Combinada com exercícios e cuidados veterinários regulares, uma dieta de alta qualidade pode ajudar a garantir um relacionamento longo e agradável com o seu Golden.

Outras pessoas estão lendo

Ração convencional

A maioria dos pet shops oferece várias dezenas de marcas de alimentos para animais, com todos os tipos de ingredientes e preços. Um ração saudável será composta de carnes magras, principalmente combinadas com alguns legumes e grãos. É melhor evitar marcas mais baratas, que muitas vezes têm muitos grãos, como trigo e milho, uma boa ideia é ler as embalagens para determinar a quantidade de carne em relação aos grãos. Ingredientes à base de carne devem estar no topo da lista, seguido por um tipo de arroz (arroz moído tem uma qualidade mais elevada do que outros tipos), soja e amendoim devem ser evitados na dieta de um Golden. Probióticos devem ser incluídos, à medida que são importantes para uma boa saúde. Uma longa lista de ingredientes alimentares é um bom sinal, ou seja, a comida vai oferecer uma variedade de nutrientes.

Alimentos frescos

Este espécie de cão ama sobras de comida. Alimentá-los com os alimentos frescos certos irá garantir vitaminas e minerais, pois a ração pode perder nutrientes ao longo do tempo. A carne fresca proporciona proteína e o peixe melhora as conexões cerebrais. Eles podem comer de tudo, desde que mantenham um peso adequado. Fígado de galinha e frango, atum, maçãs, pêssegos, cenouras, beterraba e ervilhas oferecem nutrientes importantes.

Comida de filhote

Estes cães crescem muito rapidamente e enfrentam um maior risco de displasia do quadril, de acordo com o Golden Retriever Club of America. Os Filhotes devem crescer "lenta e constantemente, sem surtos de crescimento, as costelas devem ser facilmente sentidas, mas não devem estar proeminentes, e os alimentos devem fornecer o que é necessário para o crescimento, mas não mais de modo que produza gorduras". Escolha uma marca de alimentos para cães especialmente formulado para filhotes. Em cerca de oito semanas, os filhotes já poderão comer cerca de uma xícara de alimento seco misturado com água morna. Conforme ele cresce e já consiga terminar sua tigela, adicione mais um quarto de xícara. É melhor aumentar gradualmente a quantidade de alimentos em vez de fornecer acesso ilimitado, a fim de garantir crescimento constante e não rápido. Sinta as costelas do seu cachorro para se certificar de que ele esteja com um peso adequado. Se você tiver que forçar para senti-las, diminua a quantidade de comida, se elas estiverem salientes, aumente a quantidade.

Cuidado

Milho, carne de glúten ou farinha de trigo podem causar coceira nas patas e no rosto, mas estes alimentos precisam ser ingeridos mesmo que em quantidades mínimas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível