Dieta de um pit bull

Escrito por imogen angliani | Traduzido por bruna leoncio
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dieta de um pit bull
O pit bull precisa de uma dieta específica (Pitbull in giardino image by Alpapiro from Fotolia.com)

O pit bull é um termo genérico que se refere à raça american pit bull terrier. Com o passar dos anos, no entanto, o termo pit bull começou a englobar diversas raças de cães da família molosser, incluindo o bulldog americano, o staffordshire bull terrier, entre outras raças. O pit bull geralmente é um cão geneticamente forte e cheio de energia, com um físico magro e poderoso. Por isso, para manter-se saudável, ele precisa de uma dieta específica de proteínas, gorduras e outros nutrientes.

Outras pessoas estão lendo

Equilíbrio

O pit bull, como a maioria dos cachorros, é carnívoro, portanto é natural querer abastecê-lo com uma dieta de carne. Ele, no entanto, também precisa de uma quantidade significativa de fibra e carboidratos para ter uma boa estabilidade e um sistema digestivo saudável. Embora seja normal incorporar refeições totalmente carnívoras na dieta de seu pit bull, você também precisa fornecer a ele uma alimentação rica em carboidratos e gorduras.

Horário

Muitos donos de pit bulls descobriram que estabelecer um horário de alimentação para seus animais é uma parte essencial de mantê-lo saudável e em forma. Tente alimentar seu cão de duas a quatro vezes por dia, em vez de deixar a comida amplamente disponível, o que pode resultar em um exagero. Ter horários para as refeições também ajudará a manter o peso do pit bull sob controle e criará nele hábitos saudáveis de alimentação.

Equívocos

Por ser naturalmente magro e musculoso, os donos podem achar que o pit bull não precisa de muita gordura na dieta. No entanto, certos tipos de gordura são importantes para a saúde do cão. Além de ajudar na digestão e na prevenção de coceira, ácidos graxos como o ômega 3 ajudam a manter uma boa saúde cardiovascular nesses animais. As melhores fontes desse ácido são o salmão e o óleo de bacalhau, que pode ser encontrado em forma de pílula ou líquido para se misturar à comida do pit bull.

Considerações finais

Os pit bulls podem variar significativamente quando o assunto é tamanho ou peso, dependendo das raças ou misturas específicas. Então, embora seja importante certificar-se de que seu cão obtenha nutrientes adequados através da dieta, você deve sempre considerar o tamanho, o peso e o nível de atividade que ele executa quando for determinar a quantidade certa de comida. Seu veterinário pode ajudar você nessa tarefa. Além disso, muitos fabricantes de comida para cachorro incluem um guia geral de alimentação nos rótulos de seus produtos.

Aviso

Não alimente seu pit bull com "comida de humanos" ou restos, pois certos alimentos podem ser perigosos para a saúde dele. Alimentar seu pit bull com restos também pode criar um mau hábito no animal, fazendo com que ele rejeite a ração. Se você tem dúvidas sobre os tipos aceitáveis de alimentos para os cachorros, como alguns legumes, ou se seu pit bull não aceita nenhuma ração, consulte seu veterinário.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível