Dieta recomendada após a remoção da vesícula biliar

Escrito por carmen gonzalez | Traduzido por tiago tostes
Dieta recomendada após a remoção da vesícula biliar
Modificações dietéticas podem ser necessárias após a cirurgia da vesícula biliar (laparoscopic surgery image by Grzegorz Kwolek from Fotolia.com)

A vesícula biliar está localizada abaixo do fígado. Ela armazena a bile, uma substância secretada pelo fígado, sendo eliminada durante a digestão de gorduras. A vesícula biliar pode ser afetada por doenças como gangrena, abcessos, cálculos biliares e inflamação que podem provocar dores severas. A terapia medicamentosa é utilizada para tratar a doença, mas, por vezes, uma colecistectomia - remoção da vesícula biliar - é necessária. Algumas modificações dietéticas podem ser utilizadas para compensar a ausência da vesícula biliar.

Limite a ingesta de gordura

Após a cirurgia, recomenda-se uma dieta líquida, e após algum tempo, uma dieta regular, conforme seu organismo tolerar. Limite o consumo de gorduras a 30% de suas calorias totais. Não consuma mais de 7% de gordura saturada e 1% de gordura trans do total de calorias diárias. Isso se traduz em 67 g de gordura total, 16 g de gorduras saturadas e 2 g de gordura trans para uma dieta de 2.000 calorias. Evite alimentos fritos. Abstenha-se de cremes, molhos e temperos a base de gorduras para sua comida. Ao cozinhar, faça grelhados, assados, e ferva os alimentos. Leia os rótulos dos alimentos e escolha os que tenham 3 g de gordura ou menos por porção.

Proteína magra

Escolha carnes com 15% de gordura ou menos por porção. Opte por peixes, mariscos, frango e peru sem pele. Abstenha-se de mortadelas, carne em conserva, bacon, cachorro-quente, salsichas, presunto, salame, carne e peixe enlatados em óleo além de outras carnes processadas, que são ricas em gordura. Se você não come carne, selecione proteína magra a partir de fontes vegetais, como tofu, feijões e lentilhas.

Fibra dietética

A fibra alimentar de frutas, verduras e grãos integrais dá saciedade em uma dieta de baixo teor de gordura. Ela também pode ajudar a controlar a diarreia, comum após a cirurgia. Opte por produtos de grãos integrais como arroz integral, pão integral e macarrão. Leia a etiqueta e selecione os alimentos com 3 g de fibra ou mais por dose. Se gases e retenção de líquido são um problema, evite comer vegetais crus e coma legumes cozidos ou enlatados e frutas.

Bebidas

Mantenha-se hidratado. Beba bastante água e sucos sem açúcar. Se você tolera lactose, beba leite desnatado. Evite bebidas alcoólicas, pois elas podem induzir estresse metabólico ao seu fígado. As bebidas gaseificadas também devem ser evitadas.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível