Dietas para ajudar garotas adolescentes a emagrecer

Escrito por josie myers | Traduzido por rita pacheco
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dietas para ajudar garotas adolescentes a emagrecer
Dietas

A perda de peso em adolescentes é quase igual à de adultos. Exercícios, alimentação saudável e baixa ingestão de calorias levarão à perda de peso para qualquer adolescente comum.

Outras pessoas estão lendo

Consulta

É necessário fazer uma consulta ao médico antes de iniciar qualquer dieta. Para adolescentes, isso é muito importante. Existem condições médicas que podem levar ao ganho de peso e que devem ser detectadas antes do início da dieta. Se nenhuma condição preexistente for detectada, o médico também poderá dar conselhos sobre alimentação e exercícios. Em algumas situações, ele até mesmo pode dizer qual o melhor caminho a seguir para que você não gaste mais dinheiro do que o necessário com uma dieta.

Alimentação

As escolhas alimentares são uma parte importante de qualquer dieta. As meninas têm mais dificuldade, pois os meninos podem consumir muito mais calorias do que elas, sem engordar, pois possuem uma massa muscular maior, o que permite queimar mais calorias, mesmo quando sentados. Pode ser frustrante, mas aceitar essa situação poderá ajudar a levar a uma alimentação saudável e realista.

Não pule refeições para economizar calorias, pois isso pode levar à compulsão alimentar depois. Se o seu corpo não receber alimentos suficientes, ele entra em modo de sobrevivência e pede por mais comida, para compensar a diferença.

No café da manhã, evite cereais infantis açucarados e escolha os cereais adultos, que são ricos em fibras e pobres em gordura, ou coma bolinhos integrais com geleias naturais e uma banana, para um café da manhã com bastante sustância.

Sanduíches são uma ótima opção para o almoço. Use carnes magras, como peru e presunto ou atum misturado com maionese com baixo teor de gordura. Adicione uma fatia de queijo, acrescente alface e tomate ou um abacate para variar. Se escolher uma salada, troque o frango frito por um grelhado. Peça molhos de acompanhamentos e use o método do "mergulho": mergulhe o garfo no molho, coloque a alface no garfo e coma. Você verá que o molho virá muito mais forte do que o esperado, fazendo com que você coma menos.

Não pense em sua dieta como uma privação. Encontre alternativas que correspondam aos alimentos que você gosta. Em vez de frango frito, tente frango crocante assado. Se gostar de pizza, coma uma salada primeiro e apenas uma fatia depois. Tente hambúrgueres, cachorros-quentes e bacon de peru. Para lanches, experimente frutas e legumes que nunca havia provado. Lembre-se, também, de que o gosto dos vegetais frescos é muito diferente do que os enlatados ou congelados. Você poderá não gostar de ervilhas, mas se prová-las cruas e frescas com um pouco de molho ranch sem gordura, poderá mudar de opinião. Se gostar de chocolate, escolha uma opção de baixo teor de gordura, como os chocolates amargos e sem açucares.

Exercícios

Algo que muitas jovens adolescentes consideram desanimador na dieta é ter de fazer exercícios. A atividade física não precisa ser chata. Os esportes coletivos são uma ótima opção para quem gosta de atividades em grupo. Para quem prefere ir sozinho, pode optar por patinação, ciclismo, caminhadas ou aulas de autodefesa. Pense no que você gosta de fazer e encontre uma maneira de integrar as duas atividades. Se for um músico, pense em entrar em uma fanfarra. Se for um artista, tente escalada. Leve um bloco e um lápis ou uma câmera na mochila e vá a lugares que, de outra forma, não seria capaz de desenhar ou filmar. O exercício não precisa ser chato, apenas uma maneira de tirá-la do sofá e fazer com que você se movimente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível