Dietas para parvovírus canino

Escrito por sandra parker | Traduzido por fellipe jardim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dietas para parvovírus canino
O parvovírus canino é altamente contagioso (Ryan McVay/Photodisc/Getty Images)

O parvovírus canino é um vírus altamente contagioso que ataca o revestimento do aparelho digestivo de filhotes e cães adultos vacinados, provocando desidratação, hipoglicemia e, em muitos casos, morte. Os animais que sofrem de parvovirose apresentarão muitos sintomas - mais comumente vômitos, letargia e diarreia sanguinolenta. O tratamento do parvovírus pode ser complicado, e a administração de uma dieta antes, durante e após o início dos sintomas é crucial para uma recuperação favorável.

Outras pessoas estão lendo

Retirada de alimento

Retire o alimento nos estágios iniciais. Logo que o cão começar a apresentar sintomas como falta de apetite e letargia, remova os alimentos e a água. É fundamental levá-lo a um veterinário neste ponto da doença para dar-lhe uma melhor chance de sobrevivência. Daqui até que os vômitos desapareçam, não ofereça qualquer coisa para comer ou beber por via oral. Todos os nutrientes e fluidos devem ser administrados por via intravenosa.

Atenção aos sinais de recuperação. Os cães com parvovirose passarão rapidamente de perda de apetite e letargia a vômitos e diarreia ativa, com o auge dos sintomas geralmente durando de dois a três dias. A reintrodução de alimentos começa quando o animal parar de vomitar ativamente e ter diarreia.

Reintroduza alimentos

Ofereça água. Dê ao cão a oportunidade de tomar um pouco de água por via oral. Ele pode recusar-se primeiro e isso é comum. Se ele o fizer, espere pelo menos uma hora antes de oferecer novamente para garantir que um novo ciclo de vômitos não será desencadeado.

Ofereça alimentos leves. Após um período de ao menos 12 horas sem vômitos, comece a oferecer ao cão doente um pouco de arroz com caldo de frango ou queijo cottage. Ele pode ficar hesitante a princípio. Ofereça pequenas quantidades e espere uma hora antes de fazê-lo novamente. Em nenhum momento force o animal a comer, nem o deixe comer grandes quantidades.

Ofereça proteína. Após 12 horas da ingestão de arroz com sucesso, comece a oferecer proteínas magras, tais como frango ou cordeiro. Mais uma vez, faça-o em pequenas porções e monitore o cão em relação a vômitos e diarreia. As fezes podem ficar moles por algum tempo após a recuperação, mas devem ter alguma consistência.

Reintroduza dieta regular

Reintroduza alimentos enlatados. Após um período de vários dias a várias semanas, comece a reintroduzir os alimentos enlatados para que o cão volte para a dieta. Neste ponto, ele deverá ser capaz de comer tudo que for oferecido sem vômitos e estará a caminho da recuperação. Se o alimento enlatado for bem tolerado, comece a reintroduzir sua ração regular após 24 a 48 horas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível