Qual a diferença entre aparar e podar?

Escrito por skip davis | Traduzido por rayssa amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Qual a diferença entre aparar e podar?
A poda dá aos arbustos formatos atraentes (Thinkstock Images/Comstock/Getty Images)

A poda e a aparagem são duas técnicas usadas para cuidar dos seus jardins. Aparar normalmente se aplica à manutenção de pequenos arbustos ou sebes, embora a poda seja usada por horticultores em árvores ou grandes arbustos. Ambos os termos são usados indistintamente, mas utilizam diferentes tipos de ferramentas e são usados em diferentes épocas. O resultado final dessas técnicas são árvores, arbustos ou sebes saudáveis e esteticamente atraentes.

Outras pessoas estão lendo

A poda

A ideia por trás da poda é prevenir que galhos soltos ou mortos prejudiquem outras plantas ou pessoas. A remoção desses galhos faz com que a árvore floresça e frutifique. A poda não é feita para interromper o crescimento, mas para estimular a árvore. A outra razão para o uso da poda é a eliminação de galhos doentes. Os jardineiros também a usam quando desejam que as árvores fiquem em certo formato para fins estéticos. Duas formas de podas, a talhadia de cabeça e a topiária fazem com que as árvores assumam formas não naturais. A talhadia de cabeça é a prática de poda que visa a produção de novos brotos anuais. A topiária é a arte de moldar as árvores em um formato animal ou geométrico.

Aparagem

A aparagem se aplica em arrumar a aparência de um pequeno arbusto ou sebe, removendo os galhos que cresceram demais. Enquanto a poda é focada na segurança e saúde de uma árvore, os jardineiros normalmente usam a aparagem para fins estéticos. No entanto, o crescimento excessivo é prejudicial, uma vez que ele reduz a quantidade de umidade e luz que uma planta recebe, então, como prevenção, os jardineiros usam a aparagem pelo menos duas vezes por ano.

Equipamento

Dois tipos de tesouras estão disponíveis para a poda: a de mão e a de cabo longo. As primeiras são feitas para serem usadas em uma mão e, principalmente, para a remoção de pequenos brotos ou folhas. As segundas têm cabos que medem de 30 a 60 cm de comprimento e são feitas para cortar galhos grossos. O formato dessa tesoura torna possível exercer mais força durante o corte. Se um ramo é muito grosso para ambas as tesouras, os jardineiros escolhem usar serras. Contudo, essas tesouras são opções viáveis para aparar ou podar, mas um corta-sebes é mais usado para a aparagem de sebes. Esse equipamento é encontrado elétrico ou movido a gás.

Frequência

A frequência exigida para a poda ou a aparagem varia entre as espécies de plantas. As árvores que florescem na primavera precisam ser podadas no final de Dezembro, logo após o ciclo de floração. De acordo com a Extensão Cooperativa da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, o inverno e a primavera são estações de poda apropriadas para as árvores que florescem no verão. Os períodos mais apropriados para a aparagem dependem da aparência do arbusto ou da sebe, ao invés da saúde ou dos ciclos de floração da planta. De acordo com a Universidade do Arizona, os jardineiros devem aparar as suas sebes antes que os ramos alcancem 30 cm de altura.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível