Qual é a diferença entre um composto iônico e um composto molecular

Escrito por dennis blake | Traduzido por evelyn lima
Qual é a diferença entre um composto iônico e um composto molecular
Compostos são feitos de estruturas de átomos ligados (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Compostos iônicos e moleculares são dois dos tipos mais comuns de compostos que existem na natureza. Ambos os tipos de compostos são formados quando átomos individuais de determinados elementos colidem uns com os outros e formam ligações. Estas ligações unem os átomos em conjunto, e podem ser quebradas por outras reações químicas ou pela aplicação de calor.

Tipo de ligação

Os compostos iônicos são unidos por ligações iônicas, enquanto os compostos moleculares são unidos por ligações covalentes. Uma ligação iônica é formada entre íons de carga oposta via atração eletrostática. Pela lei de Coulomb, a força de atração eletrostática tem base na proximidade dos átomos e a força da carga elétrica. Uma vez que esses íons carregados estão tão perto, o vínculo é extremamente forte. A ligação covalente, muito mais fraca, é formada quando átomos ligados compartilham elétrons comuns.

Estado físico

Os compostos moleculares existem naturalmente no estado sólido, líquido ou gasoso, enquanto os compostos iônicos são normalmente encontrados na forma de sólidos cristalinos, a temperaturas normais da terra. Os sólidos moleculares são suaves em comparação aos compostos iônicos, sendo os últimos mais frágeis e suscetíveis a quebra. Já que a ligação covalente é mais fraca do que a ligação iônica, compostos moleculares mudam de estado para líquido ou gasoso em baixas temperaturas. Compostos iônicos só atingem esses estados a temperaturas muito elevadas.

Formação elementar

Os elementos na tabela periódica são classificados em três grupos conhecidos como metais, não-metais e metaloides. Somente compostos moleculares podem ser formados a partir de elementos classificados como não-metálicos; se algum metal ou metaloide estiver envolvido no vínculo, ele deve formar uma ligação iônica e, portanto, um composto iônico. Porque os metais tem uma tendência para perder elétrons, enquanto os compostos moleculares têm uma tendência para ganhar elétrons, é geralmente necessário ter um metal e um não-metal para formar um composto iônico.

Condução de eletricidade

Os compostos iônicos conduzem eletricidade tanto no estado líquido quanto quando dissolvidas em água, mas não em estado sólido. Por outro lado, compostos moleculares não conduzem eletricidade sob qualquer uma destas condições. A diferença se resume à mobilidade dos íons; um composto iônico derretido ou dissolvido libera íons móveis que podem se mover para os eletrodos positivos e negativos para reunir e liberar elétrons. Compostos moleculares não liberam esses íons livres e, portanto, nenhuma transferência de elétrons ocorre.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível