×
Loading ...

Diferença entre o lucro líquido e o fluxo de caixa

Atualizado em 23 março, 2017

O lucro líquido é a diferença entre as receitas e as despesas, e é calculado sobre o resultado encontrado nos relatórios anuais. A demonstração dos fluxos de caixa também pode ser encontrada no relatório anual e é criada por duas razões: para mostrar aos investidores como o dinheiro é utilizado e gerado em toda a empresa e para destacar a diferença entre o caixa e o lucro líquido.

O lucro líquido é a diferença entre as receitas e as despesas, e é calculado sobre o resultado encontrado nos relatórios anuais (Creatas/Creatas/Getty Images)

Demonstração de resultados

O lucro líquido é o último item de linha na demonstração de resultados. Ele começa com as receitas e deduz todas as despesas relacionadas à geração de renda da empresa. É importante notar que o lucro líquido é calculado para efeitos fiscais. Ou seja, as empresas não estão autorizadas a apresentar duas demonstrações de resultados líquidos diferentes; elas devem publicar o lucro líquido submetido à Receita Federal, o que normalmente se concentra na redução do lucro líquido. Os investidores gostam de conhecer a real situação do caixa de uma empresa.

Loading...

Fluxo de caixa

A demonstração dos fluxos de caixa tenta preencher a lacuna entre o lucro líquido e o fluxo de caixa. A declaração começa com fluxo de caixa das operações, e, em seguida, fornece detalhes sobre o fluxo de caixa do investimento e as atividades de financiamento. Um aumento no fluxo de caixa é um indicativo de um excedente ou de um lançamento líquido de dinheiro. Uma diminuição monetária é indicativa de um déficit ou de uma saída líquida de caixa.

Despesa de depreciação

A dedução primária para o lucro líquido no cálculo do fluxo de caixa é a depreciação. A depreciação é uma despesa não monetária feita no equipamento de capital. A Receita Federal permite que as empresas amortizem os investimentos em capital; no entanto, apenas uma parte do ativo pode ser reduzido a cada ano. A despesa de depreciação é calculada pela divisão do custo do ativo pelo número de anos que pode gerar receita.

Depreciação e Capex

Como a depreciação é adicionada ao lucro líquido como uma despesa não monetária, o custo total do equipamento de capital ou despesas (capex) é deduzido do lucro líquido também. Esse número é considerado o fluxo de caixa livre e é utilizado por analistas de investimento como uma maneira de previsão do fluxo de caixa da empresa no futuro.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...