Mais
×

Diferença entre um receptor FTA digital e um decodificador

Atualizado em 23 março, 2017

Muitas pessoas, ao pensarem em TV via satélite, pensam em provedores de DBS (Direct Broadcast Satellite, em inglês), como a DirecTV e a Dish Network, que oferecem pacotes de TV por uma taxa de assinatura mensal. Mas há também um outro tipo de televisão via satélite - a FTA (Free to Air, em inglês) - que dá aos usuários acesso a milhares de canais digitais não codificados se eles usarem o equipamento adequado. Este equipamento tem componentes conhecidos como receptor e decodificador, que agem em conjunto para levar a imagem para uma tela de TV.

Diferentes tamanhos de antenas parabólicas recebem diferentes sinais FTA (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

Free to Air

A TV via satélite FTA normalmente envolve programação diferente da dos grandes provedores. Nos EUA, com a DirecTV e a Dish Network, os assinantes têm acesso a todas as grandes redes nacionais e regionais à cabo, enquanto que os canais FTA têm mais ofertas de emissoras religiosas e educacionais. No entanto, uma das vantagens do FTA é a capacidade de receber canais estrangeiros, desde que o satélite esteja em órbita e inclinação para colocar ao alcance da antena parabólica e receptor.

Equipamento

A TV FTA é diferente da DBS não só nos tipos de canais recebidos, mas também no equipamento utilizado. Com a DBS, a antena parabólica é estacionária e recebe todos os canais de um único satélite utilizado pelo provedor de DBS. Já equipamentos FTA geralmente envolvem o uso de uma antena que gira para acessar vários satélites para que os diferentes canais sejam transmitidos. O posicionamento da antena é controlado pelo receptor de satélite.

Receptores FTA

Um receptor de satélite FTA é o dispositivo que recebe os canais não criptografados de vários satélites e transmite-os para a TV. O telespectador escolhe um canal, e o receptor direciona a antena parabólica, com o uso de um componente chamado interruptor DiSEqC (controle de equipamentos de satélite digital), para a posição necessária para acessar o satélite. Receptores FTA estão disponíveis em diferentes capacidades, recursos e opções, tais como os de alta definição (HD) de capacidade.

Decodificadores FTA

Sinais de TV via satélite são transmitidos como um fluxo de dados digitais codificados, utilizando um formato de compressão conhecido como MPEG-2 ou uma versão mais recente chamada MPEG-4. Estes sinais devem ser traduzidos em áudio e vídeo para a TV, e esta é a função do decodificador. O decodificador é o componente do receptor que descompacta os dados digitais recebidos através da antena parabólica e faz a tradução necessária que permite a visualização. Uma diferença entre os decodificadores FTA e DBS é que os FTA não têm a capacidade de decodificar os canais transmitidos por provedores de DBS, pois é necessário tecnologia adicional para decifrar a criptografia durante o processo de decodificação.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article