Qual a diferença entre um supervisor e um especialista em RH?

Escrito por murad abel, d.b.a. | Traduzido por ninah coracini
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Qual a diferença entre um supervisor e um especialista em RH?
Especialistas de RH no trabalho (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Os supervisores e especialistas têm focos diferentes em aptidões e habilidades. Um supervisor cuida da administração geral e das competências administrativas. Ele usa essas habilidades para gerenciar e controlar um departamento, enquanto os especialistas concentram suas competências principalmente em um aspecto da gestão global de Recursos Humanos. As diferenças entre um especialista e um supervisor podem ser profundas em termos de controle e responsabilidade.

Outras pessoas estão lendo

Supervisor de RH

O próprio termo de supervisor significa supervisão. O supervisor tem a responsabilidade de controlar as ações e o trabalho do especialista. Ele monitora as ações gerais e garante que eles estejam atendendo aos objetivos departamentais. Os supervisores têm frequentemente de 5 a 10 anos de experiência nos conhecimentos gerais e habilidades nessa área. Eles usam esse conhecimento na administração departamental.

Especialista em RH

Um especialista é forte em uma área de gestão de recursos humanos, mas não é necessariamente hábil em outras áreas. Por exemplo, ele pode entender sobre administração do INSS, mas não ter uma compreensão significativa de compensação ou da folha de pagamento dos funcionários. Seu foco limitado permite maior profundidade e eficiência na função específica que eles trabalham. A experiência deles pode variar de alguns anos a mais de uma década, dependendo da função.

Controle e responsabilidade

Os supervisores de RH têm controle sobre o departamento de RH ou sobre uma série de funções dentro desse departamento, enquanto os especialistas de RH trabalham em uma função particular. O supervisor de RH tem a capacidade de gerir como o trabalho é feito e o que acontece com este quando concluído. Ele sintetiza essas informações para fazer as adaptações gerais na realização de objetivos organizacionais. O especialista é muito mais propenso a processar informações específicas e a fazer julgamentos restritos sobre essas informações.

Tipos de especialistas

Há uma série de diferentes especialistas que correspondem às principais funções de gestão de recursos humanos. Por exemplo, uma pessoa pode ser um especialista em administração do INSS, benefícios, remuneração, compensação dos trabalhadores, relações de trabalho, cumprimento dos direitos trabalhistas, treinamento ou Lei de Cotas para deficientes. Cada uma dessas funções está presente em muitas organizações, sob o olhar atento do supervisor.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível