×
Loading ...

A diferença de pessoas extrovertidas e introvertidas

Atualizado em 17 abril, 2017

As pessoas muitas vezes dizem que as pessoas extrovertidas são "borboletas sociais" que falam sem parar e as pessoas introvertidas são "tímidas e retraídas". Personalidades introvertidas e extrovertidas se referem ao modo pelo qual as pessoas captam sua energia. Pessoas introvertidas obtém a sua energia dentro de si, enquanto as pessoas extrovertidas precisam dos outros para se sentirem vivas. A maioria das pessoas caem em algum lugar entre os dois extremos, dependendo das situações que estão vivendo.

Introversão e extroversão se referem a como uma pessoa obtém sua energia (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Necessidades

Introvertidos e extrovertidos criam laços de maneira diferente, e suas necessidades diferem especialmente em se tratando de suas interações com as pessoas e visões de mundo. Os introvertidos são capazes de ser sociáveis com os outros, mas vão precisar se afastar de um grande grupo depois de um tempo e "recarregar as baterias". Extrovertidos não só interagem com o desejo dos outros, mas também precisam deles. Os extrovertidos procuram a companhia de outras pessoas e expressam seus pensamentos em voz alta. Os introvertidos são pensadores e muitas vezes falam devagar e apenas quando tem algo para compartilhar com os outros. Os introvertidos preferem longas e profundas conversas com outra pessoa. Os extrovertidos podem iniciar conversas com estranhos e ter muitos amigos, enquanto os introvertidos preferem a qualidade de suas amizades sobre a quantidade.

Loading...
Introvertidos precisam de um tempo sozinhos (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Sociedade

Uma quantidade de 75% da população é considerada extrovertida, enquanto o restante são introvertidos. A sociedade exige um comportamento extrovertido. Os pais colocam expectativas sobre seus filhos para serem sociáveis, para se envolverem com um grupo, para desfrutarem de festas e passeios e para compartilharem abertamente seus pensamentos e sentimentos. Os pais podem ficar nervosos quando a criança é rotulada de "tímido", "reservado" ou "um solitário". Estas são todas as conotações negativas que não permitem que os introvertidos sejam fiéis a si mesmos. Esta é uma maneira nada saudável de viver como introvertido, muitas vezes tentando ser o que a sociedade acha que ele "deveria" ser.

As pessoas devem ser fiéis a si mesmas, sendo extrovertidas ou introvertidas (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Expressar as ideias

A maioria das pessoas extrovertidas não compreende os introvertidos. O inverso não é verdadeiro. Pelo fato da maioria da população ser extrovertida, eles assumem que a sua companhia e sua conversa são sempre bem-vindas e têm dificuldade em compreender as necessidades e diferenças de comportamento de uma pessoa introvertida. Os extrovertidos podem falar com mais frequência, serem notados e, possivelmente, recompensados por isso, mas não significa que eles têm as melhores ideias. A maioria dos alunos superdotados são introvertidos. Esses alunos são brilhantes e cheios de ideias e se tornam adultos com ideias ainda maiores. Os introvertidos podem ter mais dificuldade em ganhar terreno do que uma pessoa extrovertida; é importante que aprendam a fazê-lo para evitar que suas ideias deixem de se desenvolver.

Introvertidos e extrovertidos precisam compartilhar suas ideias (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

O cérebro

Os extrovertidos muitas vezes anseiam excitação e estimulação. Eles são menos sensíveis a dopamina, a qual regula o prazer e a emoção no cérebro. Os introvertidos tendem a ser altamente sensíveis à dopamina, levando ao desconforto durante atividades altamente estimulantes. Há um nível mais elevado de reflexão interna na atividade no cérebro do introvertido em comparação com o cérebro do extrovertido. Os introvertidos exigem um nível consistente de acetilcolina para promover uma sensação de calma. Isso estimula os bons sentimentos e o bem-estar no introvertido. O extrovertido não tem uma grande quantidade de atividade interna do cérebro do que o introvertido e busca a estimulação do mundo. Os extrovertidos precisam de adrenalina para aumentar a dopamina no cérebro.

O cérebro de introvertidos e extrovertidos é completamente diferente (Michael Blann/Digital Vision/Getty Images)
Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...