Diferenças entre um discurso persuasivo e informativo

Escrito por kimberli nalven | Traduzido por felipe vargas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferenças entre um discurso persuasivo e informativo
Debates são um exemplo de discurso persuasivo (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Não importa se você está dando um discurso, ou apenas tendo uma conversa com outra pessoa, há uma diferença entre o discurso persuasivo e o informativo. Embora os dois tipos devam ser apoiados com informações precisas, eles são usadas de maneiras diferentes. O discurso persuasivo tenta convencer o público de alguma coisa. O informativo apresenta as informações e ensina.

Outras pessoas estão lendo

Discurso persuasivo

O discurso persuasivo tem a intenção de influenciar os valores, atitudes ou até mesmo mudar as crenças de uma pessoa ou de um grupo. O melhor discurso persuasivo casa informações fáticas com razão e lógica para convencer o público de que ele deve reavaliar sua forma de pensar. Se a lógica do argumento persuasivo é o som, ele pode, então, persuadir o ouvinte a ir um passo além e fazer alterações em suas próprias crenças. Essa forma de discurso não se destina a fornecer informações completas e exaustivas, mas a usar a informação para formar um argumento convincente.

Diferenças entre um discurso persuasivo e informativo
O primeiro objetivo do discurso persuasivo é fazer a pessoa suspender suas crenças e ouvir novas ideias (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

Discurso informativo

O discurso informativo se resume a uma boa pesquisa e apresentação criativa. Esse discurso é normalmente dirigido a ensinar ou educar uma pessoa ou grupo sobre um assunto específico. A informação precisa ser útil, interessante e, se possível, original. Ele precisa ser entregue de forma clara mas dinâmica, para manter a atenção do público. Com o discurso informativo, não há necessidade de tentar mudar as atitudes ou crenças. Trata-se de compartilhar novas informações.

Usos e tipos de discurso persuasivo

Muitos profissionais usam o discurso persuasivo para o sucesso de suas carreiras. Os políticos, vendedores, decoradores, e especialmente advogados, usam forma escrita ou oral do discurso persuasivo para convencer seus clientes ou o público que seu "produto" é o melhor. O discurso persuasivo deve ser informativo, mas não é tão confiável quanto os fatos completos. Como o discurso informativo, o discurso persuasivo deve ser entregue de forma criativa para capturar a atenção do público, mas é preciso dar um passo adiante e fazer o ouvinte reconsiderar suas próprias opiniões ou crenças. Debates, publicidade, elogios e campanhas de telemarketing usam essa forma de discurso.

Usos e tipos de discurso informativo

O discurso informativo é frequentemente utilizado por professores, guias de turismo e jornalistas. Em todos os casos, o objetivo do usuário é informar e educar. A informação fática não dirige intencionalmente o ouvinte ou o leitor para uma conclusão como um discurso persuasivo, mas o encoraja a formar suas próprias conclusões. Palestras sobre pesquisas, reportagens, resumos de livros e documentários, seja na forma escrita ou oral, todos usam discurso informativo.

Diferenças entre um discurso persuasivo e informativo
Os repórteres focam em fazer um discurso informativo, e não persuasivo (Digital Vision./Photodisc/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível