Diferenças entre os formatos de áudio PCM e MP2

Escrito por j.m. chanel | Traduzido por diego feijo cabral silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferenças entre os formatos de áudio PCM e MP2
O PCM e o MP2 possuem diferentes usos na produção de áudio digital (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

O PCM e o MP2 Audio são formatos de áudio digital. Eles são, no entanto, muito diferentes, pois o MP2 é um formato de áudio "comprimido", ou seja, a qualidade da gravação do áudio digital é ligeiramente reduzida para proporcionar tamanhos menores de arquivos. Ambos os formatos possuem os seus próprios aplicativos de codificação de áudio digital e também podem ser utilizados para trilhas de áudio em DVDs.

Outras pessoas estão lendo

Áudio PCM

PCM significa "pulse code modulation" (modulação por código de pulsos) e é um dos métodos mais antigos de representação de sons analógicos em arquivos de áudio digital. Ele também é o formato utilizado em todos os CDs de áudio do padrão "Red Book". A qualidade do áudio PCM é bastante alta, pois os arquivos não são comprimidos e permitem que mais detalhes sejam incluídos. No entanto, isso faz com que o tamanho do arquivo de uma gravação de áudio de PCM seja muito maior do que a mesma gravação comprimida com áudio MP2.

Áudio MP2

O MP2 é um formato de áudio comprimido que é parte da linha MPEG de formatos comprimidos, na qual se inclui o DVD. Embora os arquivos das trilhas de áudio de MP2 sejam muito menores que os arquivos PCM descomprimidos, é necessária a utilização de um software capaz de decodificá-las para a reprodução. No entanto, a qualidade do MP2 é muito menor, pois algumas informações de áudio são perdidas no processo de compressão.

Formatos de produção e distribuição

A principal diferença entre PCM e MP2 é que o primeiro é concebido para uso na produção de áudio. O formato "lossless" do PCM permite que uma gravação seja editada sem nenhuma perda adicional de informações de áudio. Por outro lado, o MP2 é concebido para distribuição de uma gravação de áudio concluída. A compressão desse formato dificulta a sua edição, pois a perda de informações de áudio aumentará durante o processo, embora o tamanho reduzido de seus arquivos torne mais fácil a distribuição do áudio entre os consumidores.

Trilhas de áudio de DVDs

Tanto o PCM quanto o MP2 podem ser utilizados em trilhas de áudio de DVDs. Embora o PCM proporcione melhor qualidade de áudio, é recomendável o uso de um formato comprimido, como o MP2, para reservar mais espaço para o vídeo de alta qualidade. No entanto, pode ser indicado a utilização do formato AC3 para DVDs, pois ele oferece maior qualidade que o MP2 e os seus arquivos são menores.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível