Diferenças entre o olho humano e o animal

Escrito por sarah trevino | Traduzido por aline ferreira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferenças entre o olho humano e o animal
O olho de um animal tem usos e necessidades de sobrevivência diferentes das do olho humano (Apple Tree House/Lifesize/Getty Images)

Embora os humanos sejam parte do reino animal, há muitas diferenças evolutivas entre o corpo humano e o animal, e o olho é uma delas. O olho, ou a câmera do corpo, é similar em ambas as espécies, no sentido de que usa a pupila, retina e lentes de foco. Por meio da adaptação e por causa de diferentes necessidades e requerimentos, os olhos de humanos e animais têm muitas diferenças.

Outras pessoas estão lendo

Tapete

O tapete é uma estrutura localizada abaixo da retina e que reflete a luz de volta para ela. Cavalos, vacas, cães e gatos têm um tapete. Isso permite que o olho do animal capture mais luz, o que dá aos animais noturnos mais oportunidade de ver à noite. Ele também é a razão pela qual alguns olhos de animais apresentem uma cor esverdeada ou amarelada à noite, quando a luz brilha neles. Os olhos humanos não possuem esta estrutura.

Fóvea

A fóvea é uma parte do olho humano na retina que possui muitos cones. A retina contém dois tipos diferentes de células: as hastes e os cones. As hastes se movem e funcionam em pouca luz; os cones são melhor usados em luz brilhante e na detecção de diferentes cores. Todos os mamíferos têm mais hastes do que cones, mas os olhos humanos têm a fóvea, o que permite um melhor reconhecimento de cores e luzes fortes.

Membrana nictitante

Uma membrana nictitante é um pedaço de tecido que se move pelo globo ocular e age como uma terceira pálpebra. Presente na maioria dos mamíferos, ela é raramente visível e pode indicar uma má saúde dos olhos quando puder ser vista. Os olhos humanos não possuem esta membrana, apenas a pálpebra superior e inferior.

Córnea

A córnea é um grupo de células claras e proteínas que constituem a camada externa do olho. Seu propósito é agir como um guardião do olho posterior e como lente refratária. Ela ajuda a proteger o olho de detritos prejudiciais e funciona como uma janela que controla a entrada de luz. As córneas caninas e felinas são distintivamente maiores em diâmetro do que as humanas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível