×
Loading ...

Diferenças entre retinil palmitato e retinol

Palmitato de retinol e retinol são ambos retinoides, formas de vitamina A. O primeiro é um composto de ésteres (o resultado de uma reação de um ácido e um álcool) de vitamina A e ácido palmítico (derivado do óleo de palma). Já o retinol é a forma de álcool de vitamina A a partir de fontes animais, como fígado, ovos, laticínios e peixes ricos em ácidos graxos. Tanto o palmitato de retinol e o retinol são usados ​​em produtos comuns de cuidados da pele.

Os cremes de rosto podem conter retinol e palmitato de retinol (applying cream #7 image by Adam Borkowski from Fotolia.com)

Função

Tanto o retinol quanto o palmitato de retinol devem ser convertidos pelo corpo a ácido retinoico para afetar as células da pele. O retinol é convertido em um processo de duas etapas, enquanto o palmitato de retinol requer três passos. Cada passo produz menos ácido retinoico. Para gerar alterações celulares, grandes quantidades de retinol e quantidades ainda maiores de palmitato de retinol são necessárias. O pequeno tamanho das moléculas resultantes permite a penetração profunda na pele e estimula o colágeno, a elastina e a produção de células.

Loading...
Moléculas (molecules image by chrisharvey from Fotolia.com)

Importância

Para produzir ácido retinoico suficiente a fim de alcançar resultados, os produtos de cuidados da pele devem conter concentrações muito elevadas de palmitato de retinol. A maioria dos produtos de cuidados da pele disponíveis em farmácias não contém concentrações suficientes de palmitato de retinol para alcançar resultados significativos.

O retinol, um passo metabólico mais perto do ácido retinoico, está disponível em concentrações que vão de 0,15 a 1%. As concentrações de até 0,3% produzem resultados semelhantes, embora menos eficazes, do ácido retinoico mais concentrado.

Características

Os retinoides de aplicação tópica estimulam o aumento da produção de colágeno e elastina no corpo. O colágeno e a elastina ficam reduzidos com a idade e a exposição ao sol. Essa produção aumentada causada pelos retinoides resulta em uma pele mais lisa e mais firme. Os retinoides tratam a acne, aumentando a produção de células. As células mortas da pele se desprendem mais rapidamente, e novas células se desenvolvem antes das espinhas poderem se desenvolver. As células mortas da pele também tendem a fazer a pele parecer seca e escamosa; o aumento da produção de células remove as mortas.

Efeitos

O palmitato de retinol e o retinol, junto com os outros retinoides, reduzem as rugas e linhas finas, aumentam a espessura da pele e hidratam e estimulam as células da pele para reparar a área danificada. Eles também melhoram o tônus, reduzem a descoloração e diminuem o tamanho dos poros.

No entanto, esses produtos também irritam a pele, causando vermelhidão, queimação e descamação. A maioria das pessoas que os utilizam relata algum grau de irritação. Pessoas com pele sensível são especialmente vulneráveis, e as concentrações mais elevadas causam maior irritação.

Considerações

Enquanto os produtos de cuidados da pele que contêm retinol produzem resultados significativos, eles também são mais propensos a produzir irritação e são geralmente mais caros do que aqueles contendo palmitato de retinol.

O palmitato de retinol é menos provável de irritar a pele e, para aqueles com pele sensível, pode melhorar a condição da pele, embora de forma menos dramática do que o retinol. É também amplamente disponível em um custo significativamente menor.

Além disso, os retinoides devem ser embalados e armazenados adequadamente, sem exposição à luz, para evitar a perda de eficácia.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...